Faculdade Mental
MARILENE CAROLINA - 05/08/2010
  

INHOTIM

O EFEITO BRUMADINHO
English:

http://www.coolhunting.com/travel/inhotim.php
The site (click english):
http://www.inhotim.org.br/mapa
Comunicadores, artistas, educadores e acadêmicos se reuniram, no mês passado, em Brumadinho, cidade de 30 mil habitantes no interior de Minas Gerais, para discutir o futuro da transmissão do conhecimento no século 21. A escolha do lugar teve apelo simbólico: apesar de a cidade lembrar o século 19, com carroças puxadas a cavalo e gente conversando na calçada, uma inovação colocou-a nos circuitos culturais mais refinados do mundo, de Londres a Nova York, passando por Paris e Milão.
Durante os debates, o economista Claudio Moura Castro sugeriu instalar ali uma espécie de centro mundial de inovação, atraindo talentos de todo o planeta, cujas palestras seriam transmitidas em tempo real.
Brumadinho provoca tanto a imaginação porque um empresário (Bernardo Paz) transformou uma fazenda no maior museu de arte contemporânea de que se tem notícia, batizado de Inhotim.
Passa-se, em minutos, do século 19 ao 21, ao cruzar as ruas do pacato povoado interiorano até a entrada do museu-fazenda. Está ali um bom exemplo do que significam as possibilidades da economia criativa. O tema é incipiente na agenda dos candidatos, mas nele reside o futuro, a nova forma de trabalharmos, aprendermos e nos comunicarmos.
Investir em museus ajudou a recuperar o ambiente de modernidade de Londres. No Reino Unido, a preocupação com a perda de empregos industriais levou à criação de um ministério para desenvolver a economia criativa, que inclui cinema, teatro, design, games, moda, software, mercado editorial etc.
O projeto foi levado tão a sério que o currículo escolar foi modificado para estimular a formação de trabalhadores mais criativos.
Graças ao museu, a cidade de Brumadinho recebe milhares de turistas. Já se planeja construir um hotel, um clube, um aeroporto e uma faculdade.
Gilberto Dimenstein (www.dimenstein.com.br) - Fonte: Folha de S.Paulo - 01/08/10.
O site do Inhotim:
http://www.inhotim.org.br/mapa


INHOTIM: INGRESSOS ONLINE
Quem deseja visitar o Inhotim já pode comprar os ingressos pela internet. Desde o último dia 3 já é possível adquirir as entradas pelo site http://htticket.com.br/inhotim/. O pagamento é feito através de transferência bancária, boleto, cartão de crédito ou de débito. Após a confirmação da compra, o sistema envia um e-mail para o solicitante com uma senha e um voucher. Basta imprimir o documento e apresentá-lo na entrada.
Lupa - Fonte: O Tempo - 07/08/10.


PAPEL DE PAREDE - EMIRADOS ÁRABES UNIDOS
Do topo do edifício mais alto do mundo - o Burj Khalifa, com 164 andares e 828 metros de altura - se nota a história de Dubai. As área ocupadas refletem o desenvolvimento; as abertas são restos do passado. Samar Jodha.
Confira: http://ngm.nationalgeographic.com/visions-of-earth/visions-earth-2010
Fonte: National Geographic - Edição 125.


EXPECTATIVA - MULHERES JAPONESAS SÃO AS QUE VIVEM MAIS TEMPO
As mulheres do Japão têm expectativa de viver uma média de 86,5 anos, liderando novamente o ranking mundial. Elas ficam à frente de Hong Kong (79,8 anos), França (84,5) e Suíça (84,5). As estatísticas de 2009 foram compiladas e publicadas pelo Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar. As médias são novos recordes, tanto para mulheres (86,55 anos) e homens (79,59 anos). Em relação a 2008, elas subiram cinco meses para homens e quatro para mulheres. O aumento da longevidade deve-se à boa qualidade dos tratamentos médicos, que reduzem a mortalidade de câncer, problemas cardíacos e ataques - as três principais causas de morte no Japão - assim como de pneumonia. A dieta saudável e o alto padrão médio de vida também ajudam.
Interessa - Etc - Fonte: O Tempo - 31/07/10.


BUROCRACIA EMPERRA OBRA DE KAFKA
A situação é quase kafkiana: dez caixas de cofres de banco contendo escritos inéditos de Franz Kafka, dos quais o teor exato é desconhecido, estão retidas por tribunais e burocratas, num enredo muito parecido com o de uma das mais espetaculares novelas criadas pelo escritor tcheco.
Os papéis, quando saírem dos cofres de banco onde passaram décadas intocados e sem serem lidos, poderiam lançar nova luz sobre um dos autores mais misteriosos da história da literatura ocidental.
No decorrer de julho, por ordem da justiça israelense, as caixas foram retiradas dos cofres onde estavam depositadas em Tel-Aviv (Israel) e Zurique (Suíça), apesar das objeções de duas idosas que alegam terem herdado da falecida mãe os escritos.
"Kafka poderia muito bem ter escrito uma história assim, na qual você tenta fazer alguma coisa, mas tudo dá errado e o assunto continua sem solução nenhuma", avalia Sara Loeb, autora de dois livros sobre o escritor. "É realmente um caso da vida imitando a arte".
Especialistas em literatura das duas cidades examinam as caixas. Acredita-se que seus conteúdos tenham valores literários e monetários inestimáveis. Ainda não se sabe o que há dentro das caixas, mas os papéis incluem manuscritos, cartas e vários trabalhos literários escritos pelo famoso escritor judeu, disse Meir Heller, advogado da Biblioteca Nacional Israelense, que também reclama a posse dos documentos.
Método. Meir Loeb diz que o material deve incluir os finais de alguns dos trabalhos mais importantes de Kafka, muitos dos quais ficaram não foram concluídos pelo autor.
"Nós podemos descobrir seu método, seu estilo, como sua arte foi criada, como ele construía um texto", especula ela.
Kafka, que nasceu em Praga e escrevia em alemão, foi um dos escritores mais influentes do século 20, conhecido por seus relatos surreais de homens comuns esmagados por autoridades misteriosas ou contorcidos por vergonhas desconhecidas. Seus trabalhos se tornaram clássicos, como "A Metamorfose", no qual um vendedor acorda transformado num inseto gigante, e "O Processo", livro que relata o julgamento de um bancário que não sabe quais são as acusações contra ele.
No entanto, os escritos recém-descobertos não virão à luz até que um tribunal israelense esclareça a confusa questão sobre quem é o dono da coleção de documentos. O caso trata da interpretação do testamento de Max Brod, grande amigo e editor de Kafka.
O escritor entregou seus escritos a Brod pouco antes de morrer de tuberculose em 1924, instruindo o amigo a queimar tudo sem ler. Mas Brod ignorou o pedido de Kafka e publicou a maior parte do que estava em seu poder, incluindo "O Processo", "O Castelo" e "O Desaparecido ou Amerika".
Magazine - Fonte: O Tempo - 01/08/10.
Kafka - http://almanaque.folha.uol.com.br/kafka.htm


A FELICIDADE É UMA OBRIGAÇÃO DE MERCADO
Desculpem a autorreferência, que é vitupério - mas estou terminando meu filme, "A Suprema Felicidade", que me tomou três anos, entre roteiro, preparação e filmagem. Agora, sairá a primeira cópia.
Amigos me perguntam: "Que é essa tal de ‘A Suprema Felicidade’? Onde está a felicidade?".
Eu penso: que felicidade? A de ontem ou a de hoje?
Antigamente, a felicidade era uma missão a ser cumprida, a conquista de algo maior que nos coroasse de louros. A felicidade demandava "sacrifício". Olhando os retratos antigos, vemos que a felicidade masculina estava ligada à ideia de "dignidade", vitória de um projeto de poder. Vemos os barbudos do século XIX de nariz empinado, perfis de medalha, tirânicos sobre a mulher e os filhos, ocupados em realizar a "felicidade" da família. Mas, quando eu era criança, via em meus parentes, em minha casa, que a tal felicidade era cortada por uma certa tristeza, quase desejada. Já tinha começado o desgaste das famílias nucleares pelo ritmo da modernidade.
Hoje, a felicidade é uma obrigação de mercado. Ser deprimido não é mais "comercial". A infelicidade de hoje é dissimulada pela alegria obrigatória. É impossível ser feliz como nos anúncios de margarina, é impossível ser sexy como nos comerciais de cerveja. Essa "felicidade" infantil da mídia se dá num mundo cheio de tragédias sem solução, como uma "Disneylândia" cercada de homens-bomba. A felicidade hoje é "não" ver.
Felicidade é uma lista de negações. Não ter câncer, não ler jornal, não sofrer pelas desgraças, não olhar os menininhos-malabaristas no sinal, não ter coração. O mundo está tão sujo e terrível que a proposta que se esconde sob a ideia de felicidade é ser um clone de si mesmo, um androide sem sentimentos.
O mercado demanda uma felicidade dinâmica e incessante, cada vez mais confundida com consumo, como uma "fast food" da alma. O mundo veloz da internet, do celular, do mercado financeiro nos obriga a uma gincana contra a morte ou a velhice, melhor dizendo, contra a obsolescência do produto ou a corrosão dos materiais.
A felicidade é ter bom funcionamento.
Há décadas, o precursor McLuhan falou que os meios de comunicação são extensões de nossos braços, olhos e ouvidos. Hoje, nós é que somos extensões das coisas. Fulano é a extensão de um banco. Sicrano comporta-se como um celular, beltrana rebola feito um liquidificador.
Assim como a mulher deseja ser um objeto de consumo, como um "avião", uma máquina peituda, bunduda, o homem também quer ser uma metralhadora, uma Ferrari, um torpedo inteligente e, mais que tudo, um grande pênis voador.
A ideia de felicidade é ser desejado. Felicidade é ser consumido, é entrar num circuito comercial de sorrisos e festas e virar um objeto de consumo.
Não consigo me enquadrar nos rituais de prazer que vejo nas revistas. Posso ter uma crise de depressão em meio a uma orgia, não tenho o dom da gargalhada infinita, posso broxar no auge de uma bacanal. Fui educado por jesuítas, para quem o sorriso era quase um pecado; a gargalhada, um insulto.
Bem - dirão vocês -, resta-nos o amor... Mas onde anda hoje em dia essa pulsão chamada "amor"?
O amor não tem mais porto, não tem onde ancorar, não tem mais a família nuclear para se abrigar.
O amor ficou pelas ruas, em busca de objeto, esfarrapado, sem rumo. Não temos mais músicas românticas, nem o lento perder-se dentro de "olhos de ressaca", nem o formicida com guaraná.
Mas, mesmo assim, continuamos ansiando por uma felicidade impalpável.
Uma das marcas do século XXI é o fim da crença na plenitude, seja no sexo, no amor e na política.
Se isso é um bem ou um mal, não sei. Mas é inevitável. Temos de parar de sofrer romanticamente porque definhou o antigo amor... No entanto, continuamos - amantes ou filósofos - a sonhar como uma volta ao passado que julgávamos que seria harmônico. Temos a nostalgia lírica por alguma coisa que pode voltar atrás. Não volta. Nada volta atrás.
Sem a promessa de eternidade, tudo vira uma aventura.
Em vez da felicidade, temos o gozo rápido do sexo ou o longo sofrimento gozoso do amor. Só restaram as fortes emoções, a deliciosa dor, as lágrimas, motéis, perdas, retornos, desertos, luzes brilhantes ou mortiças, a chuva, o sol, o nada.
O amor hoje é o cultivo da "intensidade" contra a "eternidade". O amor, para ser eterno hoje em dia, paga o preço de ficar irrealizado. A droga não pode parar de fazer efeito e, para isso, a "prise" não pode passar.
Aí, a dor vem como prazer, a saudade, como excitação, a parte, como o todo, o instante, como eterno. E, atenção, não falo de "masoquismo"; falo do espírito do tempo.
Há que perder esperanças antigas e talvez celebrar um sonho mais efêmero.
É o fim do "happy end", pois, na verdade, tudo acaba mal na vida. Estamos diante do fim da insuportável felicidade obrigatória. Em tudo.
Não adianta lamentar a impossibilidade do amor.
Cada vez mais o parcial, o fortuito é gozoso. Só o parcial nos excita. Temos de parar de sofrer por uma plenitude que nunca alcançamos.
Hoje, há que assumir a incompletude como única possibilidade humana. E achar isso bom. E gozar com isso.
Não há mais "todo"; só partes. O verdadeiro amor total está ficando impossível, como as narrativas romanescas. Não se chega a lugar nenhum porque não há aonde chegar.
A felicidade não é sair do mundo, como privilegiados seres, como estrelas de cinema, mas é entrar em contato com a trágica substância de tudo, com o não-sentido, das galáxias até o orgasmo.
Usamos uma máscara sorridente, um disfarce para nos proteger desse abismo.
Mas, esse abismo é também nossa salvação. A aceitação do incompleto é um chamado à vida.
Temos de ser felizes sem esperança.
E este artigo não é pessimista...Desculpem a autorreferên-cia, que é vitupério - mas estou terminando meu filme, "A Suprema Felicidade", que me tomou três anos, entre roteiro, preparação e filmagem. Agora, sairá a primeira cópia.
Amigos me perguntam: "Que é essa tal de ‘A Suprema Felicidade’? Onde está a felicidade?".
Eu penso: que felicidade? A de ontem ou a de hoje?
Antigamente, a felicidade era uma missão a ser cumprida, a conquista de algo maior que nos coroasse de louros. A felicidade demandava "sacrifício". Olhando os retratos antigos, vemos que a felicidade masculina estava ligada à ideia de "dignidade", vitória de um projeto de poder. Vemos os barbudos do século XIX de nariz empinado, perfis de medalha, tirânicos sobre a mulher e os filhos, ocupados em realizar a "felicidade" da família. Mas, quando eu era criança, via em meus parentes, em minha casa, que a tal felicidade era cortada por uma certa tristeza, quase desejada. Já tinha começado o desgaste das famílias nucleares pelo ritmo da modernidade.
Hoje, a felicidade é uma obrigação de mercado. Ser deprimido não é mais "comercial". A infelicidade de hoje é dissimulada pela alegria obrigatória. É impossível ser feliz como nos anúncios de margarina, é impossível ser sexy como nos comerciais de cerveja. Essa "felicidade" infantil da mídia se dá num mundo cheio de tragédias sem solução, como uma "Disneylândia" cercada de homens-bomba. A felicidade hoje é "não" ver.
Felicidade é uma lista de negações. Não ter câncer, não ler jornal, não sofrer pelas desgraças, não olhar os menininhos-malabaristas no sinal, não ter coração. O mundo está tão sujo e terrível que a proposta que se esconde sob a ideia de felicidade é ser um clone de si mesmo, um androide sem sentimentos.
O mercado demanda uma felicidade dinâmica e incessante, cada vez mais confundida com consumo, como uma "fast food" da alma. O mundo veloz da internet, do celular, do mercado financeiro nos obriga a uma gincana contra a morte ou a velhice, melhor dizendo, contra a obsolescência do produto ou a corrosão dos materiais.
A felicidade é ter bom funcionamento.
Há décadas, o precursor McLuhan falou que os meios de comunicação são extensões de nossos braços, olhos e ouvidos. Hoje, nós é que somos extensões das coisas. Fulano é a extensão de um banco. Sicrano comporta-se como um celular, beltrana rebola feito um liquidificador.
Assim como a mulher deseja ser um objeto de consumo, como um "avião", uma máquina peituda, bunduda, o homem também quer ser uma metralhadora, uma Ferrari, um torpedo inteligente e, mais que tudo, um grande pênis voador.
A ideia de felicidade é ser desejado. Felicidade é ser consumido, é entrar num circuito comercial de sorrisos e festas e virar um objeto de consumo.
Não consigo me enquadrar nos rituais de prazer que vejo nas revistas. Posso ter uma crise de depressão em meio a uma orgia, não tenho o dom da gargalhada infinita, posso broxar no auge de uma bacanal. Fui educado por jesuítas, para quem o sorriso era quase um pecado; a gargalhada, um insulto.
Bem - dirão vocês -, resta-nos o amor... Mas onde anda hoje em dia essa pulsão chamada "amor"?
O amor não tem mais porto, não tem onde ancorar, não tem mais a família nuclear para se abrigar.
O amor ficou pelas ruas, em busca de objeto, esfarrapado, sem rumo. Não temos mais músicas românticas, nem o lento perder-se dentro de "olhos de ressaca", nem o formicida com guaraná.
Mas, mesmo assim, continuamos ansiando por uma felicidade impalpável.
Uma das marcas do século XXI é o fim da crença na plenitude, seja no sexo, no amor e na política.
Se isso é um bem ou um mal, não sei. Mas é inevitável. Temos de parar de sofrer romanticamente porque definhou o antigo amor... No entanto, continuamos - amantes ou filósofos - a sonhar como uma volta ao passado que julgávamos que seria harmônico. Temos a nostalgia lírica por alguma coisa que pode voltar atrás. Não volta. Nada volta atrás.
Sem a promessa de eternidade, tudo vira uma aventura.
Em vez da felicidade, temos o gozo rápido do sexo ou o longo sofrimento gozoso do amor. Só restaram as fortes emoções, a deliciosa dor, as lágrimas, motéis, perdas, retornos, desertos, luzes brilhantes ou mortiças, a chuva, o sol, o nada.
O amor hoje é o cultivo da "intensidade" contra a "eternidade". O amor, para ser eterno hoje em dia, paga o preço de ficar irrealizado. A droga não pode parar de fazer efeito e, para isso, a "prise" não pode passar.
Aí, a dor vem como prazer, a saudade, como excitação, a parte, como o todo, o instante, como eterno. E, atenção, não falo de "masoquismo"; falo do espírito do tempo.
Há que perder esperanças antigas e talvez celebrar um sonho mais efêmero.
É o fim do "happy end", pois, na verdade, tudo acaba mal na vida. Estamos diante do fim da insuportável felicidade obrigatória. Em tudo.
Não adianta lamentar a impossibilidade do amor.
Cada vez mais o parcial, o fortuito é gozoso. Só o parcial nos excita. Temos de parar de sofrer por uma plenitude que nunca alcançamos.
Hoje, há que assumir a incompletude como única possibilidade humana. E achar isso bom. E gozar com isso.
Não há mais "todo"; só partes. O verdadeiro amor total está ficando impossível, como as narrativas romanescas. Não se chega a lugar nenhum porque não há aonde chegar.
A felicidade não é sair do mundo, como privilegiados seres, como estrelas de cinema, mas é entrar em contato com a trágica substância de tudo, com o não-sentido, das galáxias até o orgasmo.
Usamos uma máscara sorridente, um disfarce para nos proteger desse abismo.
Mas, esse abismo é também nossa salvação. A aceitação do incompleto é um chamado à vida.
Temos de ser felizes sem esperança.
E este artigo não é pessimista...
Arnaldo Jabor - Fonte: O Tempo - 03/08/10.


Não deixem de enviar suas mensagens através do “Fale Conosco” do site.
http://www.faculdademental.com.br/fale.php

 

editorial
cantinho do humor
coluna do canalha
eu digital
falou no FM? tá falado!
fazendo direito
formandos & formados
futebol show
manchetes da semana
marilene carolina
nossos colunistas
pense!
rapidinhas
turmas do FM
a jente herramos
fotos de eventos
trabalhos publicados
  buscar:     
fale conosco
Troque uma idéia com o Cara, Carinha e Canalha, 24 horas por dia.
histórico
“O jornal paralelo oficial dos alunos da FNH”?
créditos
Por trás de um grande site tem sempre uma grande empresa, clique e veja.
mensagens

02/09/2017
VENTO, VENTANIA... >>


09/04/2017
CHOVE CHUVA... >>


18/02/2017
O VALOR DAS COISAS... >>


30/12/2016
PASSADO E PRESENTE... >>


23/10/2016
EVOLUÇÃO NA VISÃO... >>


10/09/2016
INVOLUÇÃO TECNOLÓGICA... >>


02/07/2016
IMPREVISTOS ACONTECEM... >>


30/04/2016
ACUMULANDO RIQUEZAS... >>


28/02/2016
MUDANDO A HISTÓRIA... >>


17/01/2016
DEFEITO DE FÁBRICA >>


22/12/2015
MUITA SABEDORIA EM 2016... >>


05/12/2015
O PROBLEMA É O "EL NIÑO" OU O HOMEM??? >>


24/10/2015
O TEMPO PASSA... >>


30/08/2015
O MUNDO ESTÁ MUDANDO... >>


21/06/2015
COMUNICAÇÃO COM OS OLHOS! >>


04/06/2015
ATENÇÃO INTERNACIONAL... >>


21/04/2015
PRÊMIO PULITZER >>


05/04/2015
NÃO JULGUE! >>


22/03/2015
O AMOR E A TECNOLOGIA >>


22/02/2015
BIOGÁS... >>


18/01/2015
IMAGINAÇÃO... >>


11/12/2014
PRESENTES DE NATAL... >>


16/11/2014
CIDADES SEM FRONTEIRAS >>


14/10/2014
OVELHA NEGRA >>


17/09/2014
ALERTA GERAL! >>


31/08/2014
CARA DE MAU >>


12/08/2014
FATOS DA VIDA >>


27/07/2014
SONHO MEU... >>


13/07/2014
TABLET NATURAL >>


09/06/2014
RÚSSIA >>


28/05/2014
INVESTIMENTOS... >>


08/05/2014
OPENBIOME >>


23/04/2014
A TV MAIS CHATA QUE EXISTE >>


10/04/2014
PROCURANDO O BEM... >>


21/03/2014
LEITURA... >>


08/03/2014
“MONA”... >>


22/02/2014
QUEM NÃO GOSTA??? >>


07/02/2014
CARNAVAL TÁ AÍ... >>


24/01/2014
ARTE!!! >>


10/01/2014
THE EVOLUTION... >>


24/12/2013
ENTRANDO NUMA FRIA >>


15/12/2013
CÍRIO DE NAZARÉ >>


07/12/2013
ENCONTRO PERIGOSO >>


24/11/2013
THANKSGIVING 2013 >>


19/11/2013
“SELFIE” >>


03/11/2013
DRIBLANDO A FISCALIZAÇÃO... >>


26/10/2013
QUEBRA-CABEÇA >>


19/10/2013
METEORITOS... >>


12/10/2013
IMAGENS RARAS... >>


05/10/2013
A FORTUNA >>


25/09/2013
ECLIPSES >>


13/09/2013
A QUESTÃO SANITÁRIA >>


08/09/2013
LENTE PARA TODOS >>


31/08/2013
GARRAFAS BRILHANTES... >>


24/08/2013
TRANSFORMANDO VINHO EM ARTE >>


17/08/2013
A GENTE NÃO QUER SÓ COMIDA... >>


10/08/2013
CASAPUEBLO >>


03/08/2013
LAPA RIOS ECO LODGE >>


20/07/2013
ANTIGRIPAL REDUZ... >>


13/07/2013
IMAGENS HISTÓRICAS >>


06/07/2013
O CÉREBRO... >>


27/06/2013
NÉCTAR >>


20/06/2013
O BESOURO E AS ESTRELAS >>


13/06/2013
TRAÇOS DE PSICOPATIA >>


06/06/2013
A BACTÉRIA >>


30/05/2013
OS SONS DA TERRA >>


25/05/2013
O JOGO ON-LINE EYEWIRE >>


05/05/2013
MAGNIFICO >>


29/04/2013
SOCIEDADE ALEMÃ DE FOTÓGRAFOS DE ANIMAIS - GDT >>


21/04/2013
PEIXE “TRANSPARENTE” >>


12/04/2013
ESCULTURA INCRÍVEL >>


06/04/2013
BALEEIRO BASCO >>


29/03/2013
“PINHEIRO MILAGROSO” >>


23/03/2013
PERSONALIDADE NO FACEBOOK >>


14/03/2013
O SOCO >>


07/03/2013
DEUSA DO FOGO SAGRADO >>


28/02/2013
A ESCOLA ONDE O ALUNO DECIDE O QUE FAZER >>


22/02/2013
A ESCOLA HIGH TECH >>


14/02/2013
LATICÍNIO DE ORIGEM PRÉ-HISTÓRICA >>


07/02/2013
TAXA DE DESEMPREGO >>


31/01/2013
GLACIER WORKS >>


24/01/2013
LIVROS >>


19/01/2013
FUNDAÇÃO B612 >>


13/01/2013
JARDINEIRO WI-FI >>


04/01/2013
ARANHAS FAMOSAS... >>


27/12/2012
DINHEIRO VELHO É GASTO MAIS RÁPIDO >>


20/12/2012
SEQUOIA-GIGANTE >>


13/12/2012
REDUZINDO CALORIAS >>


06/12/2012
O CARPETE MÁGICO >>


30/11/2012
GLOBAL EDUCATION DIGEST 2012 >>


23/11/2012
DICIONÁRIO OXFORD >>


15/11/2012
ANATOMAGE >>


08/11/2012
AS QUATRO ESTAÇÕES >>


02/11/2012
MURAL MAIA >>


25/10/2012
ESCULTURAS DO MAR >>


18/10/2012
PLANETA DIAMANTE >>


11/10/2012
“A MENINA QUE SUPEROU EINSTEIN” >>


03/10/2012
DIVISÃO DE CLASSES >>


26/09/2012
A FOTO >>


20/09/2012
LA PAROLACCIA >>


12/09/2012
FOTOS MARAVILHOSAS >>


05/09/2012
SEGUNDA CHANCE LTDA >>


30/08/2012
ADEUS ÀS ARMAS >>


24/08/2012
TORTURA >>


15/08/2012
MONMOUTH >>


09/08/2012
ARTE CAFÉ COM LEITE >>


05/08/2012
DIA MUNDIAL DO ORGASMO >>


30/07/2012
ARTE NAS OLÍMPIADAS >>


21/07/2012
O EXPERIMENTO DE STANFORD >>


12/07/2012
ROMERO BRITTO >>


05/07/2012
ASTRONOMIA >>


28/06/2012
O CARTÃO DE CRÉDITO... >>


21/06/2012
UM DESENHO >>


16/06/2012
INTELIGÊNCIA! >>


09/06/2012
HOMENAGEM >>


02/06/2012
CAMPANHA: POR UM "TRATAMENTO NORMAL" >>


25/05/2012
PERGUNTA ÚTIL >>


12/05/2012
O GRITO >>


03/05/2012
SALÁRIO DE DOCENTE >>


28/04/2012
A ESCRITORA >>


21/04/2012
QUEIMA DE OBRAS DE ARTE >>


14/04/2012
O LIVRO COMESTÍVEL >>


05/04/2012
O SANDUÍCHE PATRIOTA >>


31/03/2012
GLOBE THEATRE >>


24/03/2012
OUT OF SYNC >>


15/03/2012
FUNDAÇÃO BILL & MELINDA GATES >>


07/03/2012
PEDRAS PERDIDAS >>


29/02/2012
INSIDE WWII >>


22/02/2012
HOTEL NA FLORESTA >>


18/02/2012
UÍSQUE VERSÃO SEM ÁLCOOL >>


09/02/2012
AS MAIS BELAS LIVRARIAS DO MUNDO = >>


02/02/2012
AS PESQUISAS QUE FALHARAM... >>


28/01/2012
CINEMATERNA >>


19/01/2012
CRISE ECONÔMICA NA GRÉCIA >>


13/01/2012
DA LIXEIRA PARA A CICLOVIA >>


06/01/2012
UM PRÉDIO DIFERENTE... >>


31/12/2011
A PASSAGEM DE UM COMETA >>


22/12/2011
"O PRIMEIRO LONGA FILMADO COM CELULAR" >>


18/12/2011
PESQUISA DE ROSTOS >>


11/12/2011
EDUCATING MAX! >>


03/12/2011
ARQUITETURA: BARCO E EDIFÍCIO >>


26/11/2011
O MUSEU ESTÁ NAS RUAS >>


19/11/2011
AS 20 PIORES DA HISTÓRIA >>


13/11/2011
DOIS LITROS DE LUZ >>


02/11/2011
A MANSÃO "ANTILIA" >>


29/10/2011
O MELHOR UÍSQUE DO MUNDO >>


22/10/2011
O NASCIMENTO DO BEBÊ X >>


12/10/2011
O MUNDO ETÍLICO >>


05/10/2011
DESTINO >>


28/09/2011
SONHO DE MENINA >>


21/09/2011
PODER JOVEM >>


14/09/2011
AGÊNCIA DE VIAGEM EXCLUSIVA PARA CÃES >>


07/09/2011
FOTO MAGNÍFICA >>


01/09/2011
AQUA NOTES RAPIDINHOS >>


25/08/2011
QUAGGA PROJECT >>


18/08/2011
HANG SON DOONG >>


11/08/2011
PROBLEMA PATENTE >>


04/08/2011
CARTUNISTA: PATRIMÔNIO NACIONAL >>


28/07/2011
VOCÊ É O PRODUTOR >>


21/07/2011
DESENHOS À LÁPIS >>


17/07/2011
ORGANIZAÇÃO NAS NUVENS >>


10/07/2011
GUARDIÕES EM REDE >>


01/07/2011
AS GELADEIRAS >>


23/06/2011
COMBATE À POBREZA >>


16/06/2011
POPULAÇÃO HISTÓRIA >>


08/06/2011
QUADRO EM PERSPECTIVA >>


02/06/2011
VISUAL REBELDE >>


26/05/2011
GERAÇÃO G >>


19/05/2011
A MONTANHA >>


12/05/2011
TORRE DE BABEL >>


05/05/2011
ARQUEOLOGIA BÍBLICA >>


26/04/2011
GIFT ANIMADO... >>


22/04/2011
WEBBY AWARDS 2011 >>


14/04/2011
TECNOLOGIA DAS MÁQUINAS DE ESCREVER >>


08/04/2011
INJEÇÃO SEM AGULHA >>


31/03/2011
VOVÓS S.A. >>


26/03/2011
COMIDA TÍPICA >>


17/03/2011
POLTRONA LITERÁRIA >>


10/03/2011
SOS FAUNA >>


03/03/2011
BLOGGIE AWARDS 2011 >>


27/02/2011
AH! TIRIRICA!!! >>


17/02/2011
A FOTO DO ANO >>


10/02/2011
UM QUADRO, UMA TESE... >>


03/02/2011
DORMINDO NOS AEROPORTOS >>


27/01/2011
O PROJETO >>


20/01/2011
TURISMO VIRTUAL >>


13/01/2011
UNIÃO INTERNACIONAL DE ARQUITETOS >>


07/01/2011
FELIZ ANO NOVO COM ARTE >>


30/12/2010
O BALÉ DOS CISNES >>


21/12/2010
OS OLHOS DA INTERNET >>


16/12/2010
LEONARDO DA VINCI >>


09/12/2010
GISELE BÜNDCHEN >>


02/12/2010
SUPER SACHA >>


25/11/2010
PATRIMÔNIOS CULTURAIS INTANGÍVEIS >>


20/11/2010
19 DE NOVEMBRO DE 1819 >>


14/11/2010
CRIANÇA DE 2,5 MIL ANOS >>


04/11/2010
GOSTO NÃO SE DISCUTE >>


29/10/2010
HISTORY PIN >>


21/10/2010
UM GESTO >>


14/10/2010
70 ANOS - 9 DE OUTUBRO >>


07/10/2010
O GATINHO >>


02/10/2010
MICTÓRIOS >>


25/09/2010
DIA DA ÁRVORE >>


17/09/2010
DISCIPLINA, PACIÊNCIA E DEDICAÇÃO... >>


09/09/2010
TESOURO DA HISTÓRIA MÉDICA >>


01/09/2010
OFICINA CERÂMICA >>


26/08/2010
"MTV ISLÂMICA" >>


19/08/2010
AMIZADE SINCERA >>


12/08/2010
A MELHOR CADEIA DO MUNDO >>


05/08/2010
INHOTIM >>


29/07/2010
O BRASILEIRO TOP >>


22/07/2010
QUEDA DE SANGUE >>


15/07/2010
A COPA DA IMAGINAÇÃO >>


08/07/2010
INOVAÇÃO - ESQUEÇA O LADO CERTO DA PILHA >>


01/07/2010
LIBERDADE DO ÓLEO >>


24/06/2010
OS PIORES LUGARES DO MUNDO >>


17/06/2010
BRASIL 2.0 >>


10/06/2010
GRAVATAS "CASSETE" >>


03/06/2010
UNIVERSIDADE DE BABÁS >>


27/05/2010
CASA DE PLÁSTICO RECICLADO >>


23/05/2010
BORN IN BRAZIL >>


13/05/2010
PALEONTOLOGIA NO BRASIL >>


07/05/2010
FLUXUS 2010 >>


29/04/2010
VIVENDO À BEIRA DE UM PRECIPÍCIO >>


24/04/2010
CAMISETA RADAR >>


15/04/2010
SOLUÇÃO SOLAR >>


08/04/2010
AR LÍQUIDO >>


01/04/2010
ADOTE UM BURACO >>


25/03/2010
RAIOS ULTRAVIOLETAS... >>


19/03/2010
A REVOLTA DA NATUREZA >>


11/03/2010
RAZÃO SOBRE CIÊNCIA >>


04/03/2010
TESTE SEU CÉREBRO >>


25/02/2010
UM PEDAÇO DA LUA >>


18/02/2010
PARIS INUNDADA 1910 >>


13/02/2010
ST VALENTINE'S DAY >>


04/02/2010
GRAMADOS ORGÂNICOS >>


29/01/2010
O GATO INGLÊS >>


23/01/2010
CONHECIMENTOS LITERÁRIOS >>


15/01/2010
ZOOLÓGICO ACADEMIA >>


24/12/2009
ESCOLA NA FLORESTA >>


17/12/2009
ALEGRIA ETERNA >>


10/12/2009
BANHEIRA DE CARBONO >>


03/12/2009
QUADRO GIGANTESTO >>


25/11/2009
CLOSE-UP >>


20/11/2009
LONDRES FRUTÍFERA >>


13/11/2009
VIRTUAL SHOE MUSEUM >>


05/11/2009
VESTIDO PARA MATAR >>


29/10/2009
DOBRE QUALQUER COISA >>


22/10/2009
TÁXI COR-DE-ROSA NO MÉXICO >>


16/10/2009
ARTE QUE EMOCIONA... >>


08/10/2009
O QUILO PERFEITO >>


01/10/2009
O CHOCOLATE PERFEITO >>


24/09/2009
PROJETO GENOGRÁFICO >>


17/09/2009
SOLIDARIEDADE BRASILEIRA >>


10/09/2009
SOMÁLIA - CRISE HUMANITÁRIA >>


03/09/2009
BOLHAS BRASILEIRAS EM NY >>


26/08/2009
OS PREDIOS VIVOS >>


20/08/2009
II CONGRESSO INTERNACIONAL DE ARTE PALEONTOLÓGICA >>


13/08/2009
ANIMAIS E FRUTAS >>


06/08/2009
CASA NA ÁRVORE LEVADA A SÉRIO >>


29/07/2009
RECARREGANDO A ENERGIA >>


24/07/2009
UMA CIDADE INTERESSANTE... >>


14/07/2009
SACADA DE VIDRO NAS ALTURAS >>


09/07/2009
CODEX SINAITICUS >>


03/07/2009
MANIFESTAÇÃO COMÉSTICA >>


25/06/2009
O DESAFIO >>


19/06/2009
ARTE DA SERRA ELÉTRICA >>


11/06/2009
PROCISSÃO DA ÁGUA SANTA >>


04/06/2009
UM MUNDO PRA CHAMAR DE SEU >>


28/05/2009
AS MURALHAS DO RIO >>


18/05/2009
JOIAS ÚTEIS >>


13/05/2009
UMA NOVA PERSPECTIVA DE NOVA YORK >>


07/05/2009
O MELHOR EMPREGO DO MUNDO >>


01/05/2009
CANNES >>


22/04/2009
FELIZ ANIVERSÁRIO, ROMA! >>


15/04/2009
RESTAURANTE EXAGERADO >>


09/04/2009
ANDAR COM FÉ EU VOU... >>


01/04/2009
DOLAR EM BRAILLE >>


25/03/2009
MICHELLE OBAMA >>


19/03/2009
SÃO PATRÍCIO >>


12/03/2009
AMIGOS DA EUROPA >>


04/03/2009
O SELO DO "BESOURO" >>


25/02/2009
CULTURA NA AVENIDA >>


19/02/2009
CARNAVAL NA ITÁLIA >>


12/02/2009
UMA NOVA FILOSOFIA >>


06/02/2009
O MELHOR DO FOTOJORNALISMO EM SP >>


29/01/2009
CINEMA IMAX >>


22/01/2009
LOUIS BRAILLE >>


15/01/2009
UM TREM PARA AS ESTRELAS... >>


04/01/2009
ANO-NOVO LUNAR >>


02/01/2009
IMAGENS DE 2008 >>


25/12/2008
ESCULTURAS DE GELO >>


18/12/2008
NATAL DE COSTA RICA >>


11/12/2008
ARTE NA AREIA >>


04/12/2008
OLÍMPIADA CULTURAL >>


29/11/2008
AMIZADE JAPÃO X MINAS >>


20/11/2008
COMPETIÇÃO MUNDIAL OLYMPUS BIOSCAPES >>


13/11/2008
O NATAL JÁ CHEGOU... >>


06/11/2008
BARACK OBAMA >>


30/10/2008
PROFESSORES ITALIANOS >>


22/10/2008
PLANTA BLOGUEIRA >>


16/10/2008
A CIDADE PERDIDA VIRTUAL >>


09/10/2008
MAIS UM PROJETO DE NIEMEYER >>


01/10/2008
CAMPANHA EDUCATIVA >>


25/09/2008
UBERABATITAN RIBEIROI >>


16/09/2008
LARGE HADRON COLLIDER >>


09/09/2008
TRIBUTO AO 11 DE SETEMBRO >>


04/09/2008
JOGOS PARAOLÍMPICOS >>


28/08/2008
O MOSAICO GIGANTESCO DE BIRMINGHAM >>


21/08/2008
DIA DO FOLCLORE >>


14/08/2008
ENSINO METEÓRICO >>


08/08/2008
TORRE BRASILEIRA >>


31/07/2008
O FORTE DE NATAL >>


27/07/2008
ARQUEOLOGIA HISTÓRICA >>


14/07/2008
A ARTE DE ALEIJADINHO >>


06/07/2008
DIGNIDADE >>


03/07/2008
O ESPÍRITO OLÍMPICO >>


26/06/2008
BUMBÓDROMO >>


19/06/2008
UMA PONTE ESPECIAL >>


12/06/2008
VOCABULÁRIO PORTUGUEZ E LATINO >>


05/06/2008
MUSEU PARA IBERÊ! >>


29/05/2008
PANELEIRAS - BENS CULTURAIS DO BRASIL >>


23/05/2008
A MAGIA DA ARTE >>


15/05/2008
LETRAS E MEMÓRIA >>


10/05/2008
ILUMINADO >>


02/05/2008
O MUSEU DO ESCRITOR >>


21/04/2008
FENÔMENO DE SOLIDARIEDADE >>


16/04/2008
ENSINO SAGRADO >>


10/04/2008
A GLOBALIZAÇÃO DOS MUSEUS >>


03/04/2008
O TEMPO PASSA... >>


29/03/2008
COLAPSO >>


21/03/2008
O MUNDO É CHEIO DE FOGUEIRAS >>


15/03/2008
A CIÊNCIA E OS CIENTISTAS >>


08/03/2008
VÔO LIVRE >>


01/03/2008
O AMOR É LINDO! >>


22/02/2008
"OLHOS DE VER" >>


15/02/2008
MUNDO ANIMAL - "FAMÍLIAS FELIZES" >>


07/02/2008
O UNIVERSO >>


30/01/2008
MAIS CARNAVAL PELO MUNDO... >>


24/01/2008
CARNAVAL NO MUNDO >>


19/01/2008
SABEDORIA MILENAR >>


12/01/2008
EDUCAÇÃO EM ERUPÇÃO... >>


30/12/2007
COMEÇANDO O ANO COM MUITA CULTURA... >>


23/12/2007
RÉVEILLON CHIQUE... >>


16/12/2007
O PODER DA NATUREZA E DA ARTE... >>


10/12/2007
O CLIMA DO NATAL >>


03/12/2007
CULTURA E QUALIDADE >>


26/11/2007
NATAL ILUMINADO! >>


19/11/2007
CRIANÇA GOSTA É DE BRINQUEDO... >>


13/11/2007
BANDEIRA É COISA SÉRIA... >>


06/11/2007
HINO À PROCLAMAÇÃO >>


29/10/2007
AH! O HALLOWEEN!!! >>


25/10/2007
MENTE ABERTA...INCLUSIVE PARA CINEMA! >>


17/10/2007
MANUSCRITO MAIA DO SÉCULO XIII >>


14/10/2007
DIA DO PROFESSOR >>


30/09/2007
FELIZ DIA DAS CRIANÇAS! >>


24/09/2007
O MENOR LIVRO DO MUNDO... >>


16/09/2007
MAIS SEGURANÇA??? >>


10/09/2007
CONGRESSO NAS NUVENS... >>


02/09/2007
PAVAROTTI >>


27/08/2007
LIVRO DE GRAÇA NA PRAÇA >>


24/08/2007
LIDERANÇA É COISA SÉRIA... >>


15/08/2007
UMA VIAGEM PELA GRÉCIA... >>


08/08/2007
VOCÊ É VICIADO EM ESTUDO (STUDENTHOLIC)? FAÇA O TESTE... >>


02/08/2007
O PROTESTO DA ELITE II >>


25/07/2007
O PROTESTO DA ELITE >>


15/07/2007
AH! DÚVIDA CRUEL! UMA CHARGE INCRÍVEL! >>


03/07/2007
AH! FÉRIAS! >>


29/06/2007
UTI DA PALAVRA! AH! PALAVRA! >>


18/06/2007
19 DE JUNHO: ANIVERSÁRIO DE CHICO BUARQUE >>


11/06/2007
AH! NAMORADOS! AH! LITUANIA! >>


04/06/2007
AH! ARRAIÁ DO BARREIRO! AH! FESTA JUNINA! AH! VENEZA! >>


28/05/2007
EUROPA, FAMÍLIA... (AH! QUE VIDA!) >>


21/05/2007
E TUDO MUDA... (AH! EUROPA) >>


14/05/2007
AH! EUROPA! AH! EBITDA >>


07/05/2007
UNIFICAÇÃO DO PORTUGUÊS??? >>


01/05/2007
AH! MAMÃE! FELIZ DIA DAS MÃES! >>


24/04/2007
AH! O FUTURO! >>


17/04/2007
AH! O SÉCULO 21! >>


08/04/2007
NO BAILE, SE NÃO DANÇAR, DANÇOU... AH! O BAILE! >>


29/03/2007
AH! FELIZ PÁSCOA!!! >>


22/03/2007
AH! FEIJOADA! >>


13/03/2007
FACULDALDE NOVOS HORIZONTES - 6 ANOS DE VIDA! >>


08/03/2007
ATITUDE É TUDO! >>


01/03/2007
AH! O MEU MARIDO OSCAR! >>


19/02/2007
AH! O CARNAVAL! >>


05/02/2007
ESTOU DE VOLTA, MENINOS! >>


21/11/2006
100SACIONAL - SÓ AS MELHORES DE MARILENE CAROLINA ANTES DA DEMISSÃO: 50,51,53,54,55,56,57,66,68,69,70,76,77,80. >>


24/05/2006
DEMITIDA >>


15/05/2006
"O ADEUS DE MARILENE!" >>


07/05/2006
MEXAM-SE OU F____-__. >>


04/05/2006
MELHORES MOMENTOS >>


27/04/2006
NEGOCIAÇÃO PROBLEMÁTICA >>


27/04/2006
ALUNO EGRESSO OU ALUNO INGRESSO? >>


06/04/2006
Marilene >>


30/03/2006
QUEM TEM MEDO DO INTERDISCIPLINAR? >>


23/03/2006
MOMENTO DE INTERAÇÃO É MOMENTO DE TER AÇÃO >>