Faculdade Mental
PENSE! - 21/03/2007

  

É REALMENTE PARA PENSAR E REFLETIR...

Frase de um amigo nosso: "Quem pede demissão, na verdade está demitindo o chefe."


PALAVRA DA SEMANA: DILEMA


A palavra veio do grego dis, "duas", e lemma, "suposição". Em empresas, e na vida profissional, isso significa que todo problema tem solução, mas toda solução tem problemas.


Max Gehringer (Época - nr.462)


A VEZ DA EDUCAÇÃO


Há dois caminhos: a perda gradual de um processo civilizatório ou a redenção de um país pela educação pública de qualidade.


HÁ POUCO mais de um ano, iniciamos um movimento para construir um projeto de nação para a educação brasileira.
Era o início de uma aliança da sociedade civil em prol da educação pública, envolvendo os três entes federativos -Ministério da Educação (MEC), Conselho Nacional dos Secretários de Educação (Consed) e União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime)- e lideranças sociais e empresariais.
A iniciativa ganhou fôlego. E cinco metas foram estabelecidas para dar um norte e organizar os esforços, de forma que promovesse a universalização da educação básica com qualidade para todos os brasileiros, com ênfase na alfabetização de nossas crianças. Como referência para o alcance dessas metas, foi definido o ano de 2022, quando o Brasil completará 200 anos de sua independência. Só haverá uma verdadeira independência por meio de uma educação de qualidade para todos os brasileiros.
A efetivação dessa aliança ocorreu, simbolicamente, na manhã fria, mas de grande calor humano, de 6 de setembro de 2006, em frente ao museu do Ipiranga, na cidade de São Paulo. O movimento ganhou o nome de Compromisso Todos pela Educação. Surgia um novo horizonte para a educação pública em nosso país. Um compromisso de nação com as futuras gerações de brasileiros, provendo-as do bem mais importante que um cidadão deveria desejar para si, uma educação de qualidade.
O desafio que agora se configurava era como implementar o Compromisso Todos pela Educação como um projeto de nação, e não de governo.
Era preciso que o Ministério da Educação, seguindo preceitos constitucionais, se colocasse, enquanto gestor público, responsável pelo setor, como o maior articulador, mas não como o único responsável. Que associasse a liberação de recursos públicos a metas a serem cumpridas pelos Estados e municípios para melhorar a sua educação, a partir de um diagnóstico preliminar. E, principalmente, que fosse capaz de fazer com que todos os brasileiros se sentissem parte dessa iniciativa de política pública para a educação, rompendo, assim, com a cultura de projeto de governo, passando a adotar um projeto de nação.
Foi isso o que presenciamos no último dia 15 de março, no Palácio do Planalto, sob a liderança desse jovem e operante ministro Fernando Haddad, com o apoio decisivo do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva.
Ele próprio deu o tom da mudança, com um pronunciamento firme e desejoso de transformar a realidade educacional em nosso país, ao dizer: "Estou aqui apenas representando uma demanda de que sinto necessidade, mas quem dará a resposta, certamente, serão vocês, e não eu".
Era o sentimento de alguém que chegou ao cargo mais importante de um país. Naquele momento, imbuído de um espírito público que já não era apenas de governante, mas de líder de uma aliança com toda a sociedade brasileira, dava o exemplo, ao solicitar a contribuição de todos os ex-ministros da Educação, independentemente de partido e de crença, em prol da educação.
O ministro Fernando Haddad, com firmeza, apresentou por quase duas horas o Plano de Desenvolvimento da Educação. Em sua fala, lançava as bases de uma nova educação, com foco no aluno, na sua aprendizagem e numa gestão escolar pautada em resultados. Isso, segundo o ministro, representava o esforço continuado de muitos anos, aproveitando o que de melhor cada experiência governamental do passado trouxe para a área.
Agora era preciso juntar forças, e não dispersá-las.
Apesar da visão sistêmica inserida no plano, a prioridade é a educação básica, por meio do decreto presidencial intitulado Programa de Metas Compromisso Todos pela Educação, e, assim, o governo federal reafirmava os princípios concretos para uma ação perene e pela certeza de que ali se iniciava um novo momento da história da educação brasileira.
O Ministério da Educação continua a fazer o seu dever de casa, com um projeto sólido para a educação pública. É preciso agora que cada brasileiro, comprometido com um projeto de nação, se engaje nessa luta que deve ser de todos.
Por fim, temos dois caminhos a seguir: a perda gradual de um processo civilizatório ou a redenção de um país verdadeiramente independente pela educação pública de qualidade para todos.


MILÚ VILLELA, 60, presidente do Faça Parte - Instituto Brasil Voluntário, é embaixadora da Boa Vontade da Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) e membro-fundadora do Compromisso Todos pela Educação, além de presidente do MAM (Museu de Arte Moderna) e do Instituto Itaú Cultural.


Fonte: Folha de S.Paulo - 21/03/07.


ANTÔNIO ERMÍRIO DE MORAES


Educação: parabéns ao governo federal
ATÉ QUE enfim apareceram boas notícias no campo da educação.
Ao lançar o Plano de Desenvolvimento da Educação (PED), o governo federal pôs o dedo na ferida: o mais urgente é melhorar a qualidade do ensino básico. Não basta que a escola ensine; é preciso que o aluno aprenda.
O PED é um plano que tem o foco correto ao propor que as crianças sejam avaliadas logo no início do ensino fundamental. É crucial saber como estão sendo alfabetizadas e fazer as correções de modo rápido e eficiente.
O plano contém medidas para manter os professores atualizados e mais bem remunerados. Isso é crucial. Ninguém pode ensinar o que não sabe.
O PED prevê recursos para melhorar os equipamentos escolares, indo desde a eletrificação de escolas até a informatização e preparação de material didático de boa qualidade.
Finalmente, o plano estabelece um sistema de reciprocidade entre as autoridades educacionais e os governantes locais: para obter os recursos adicionais do MEC (cerca de R$ 8 bilhões até 2010), os municípios terão de cumprir uma série de exigências, sendo que a principal delas é a melhoria da gestão das escolas.
Este é um ponto crucial. De nada adianta aumentar os recursos se não forem bem aplicados. O Brasil gasta bastante em educação, mas gasta mal. Com o mesmo milhão de reais pode-se educar mais crianças e com melhor qualidade.
O grande mérito do PED foi o de reconhecer a prioridade do ensino fundamental e a necessidade de avaliar bem as crianças. Chega de promoção automática, que apenas empurra os problemas para a frente. Os alunos serão testados a cada passo por meio do velho sistema de notas de 0 a 10, que funcionou bem para educar gerações e gerações.
O importante de tudo isso, é claro, é usar bem o resultado da avaliação. A cada fracasso constatado, há que se intervir imediatamente.
E, nessa tarefa, será imprescindível o envolvimento efetivo dos diretores, dos professores, dos pais e dos governantes. No caso dos professores, oxalá o governo encontre uma forma de atrelar prêmios aos que apresentarem os melhores resultados e sanções aos que preferirem a negligência.
O bom dessa noticia é que o governo se conscientizou de que temos de começar pelo início da formação escolar. Vamos torcer para que as avaliações sejam adequadamente utilizadas e que as crianças passem a ser bem alfabetizadas para que possam enfrentar com sucesso as etapas seguintes. Parabéns ao governo federal pela bela iniciativa.


ANTÔNIO ERMÍRIO DE MORAES 


Fonte: Folha de S.Paulo - 25/03/07. 


INTELIGÊNCIA BRASILEIRA


QUAL É hoje a vocação maior do pensamento brasileiro?
O caminho a evitar é o percorrido pelas ciências sociais e pelas humanidades nos países do Atlântico norte. Nas ciências sociais, a começar por economia, prevalece lá a racionalização do estabelecido: explicar o que existe de maneira a confirmar a necessidade, a naturalidade ou a superioridade das instituições estabelecidas e das soluções triunfantes. Nas disciplinas normativas -a filosofia política e a teoria jurídica-, a humanização do inevitável: a justificativa da redistribuição compensatória e da idealização do direito como meios para suavizar estruturas que não se sabe como reimaginar ou reconstruir. Nas humanidades, a fuga da vida prática: divagações e aventuras no campo da subjetividade, desligadas do enfrentamento da sociedade como ela é.
As três tendências fingem brigar entre si. Aliam-se, contudo, na submissão à realidade atual. A mensagem é sempre a mesma: aceitar o existente, cantar acorrentado. Cortam o vínculo, indispensável à razão, entre o entendimento do existente e a imaginação do possível.
No Brasil, estamos, em matéria de alta cultura, a reboque disso. A tendência racionalizadora predomina, feita, por sua vez, de três vertentes que confluíram para o mesmo fatalismo supersticioso. Um neomarxismo que perdeu confiança tanto em seus dogmas como em suas esperanças acabou como discurso para explicar por que nada muda no Brasil, a não ser para assegurar a impossibilidade da mudança. As ciências sociais americanas foram apropriadas para explicar que o Brasil precisa fazer o que lhe mandam fazer. E o velho determinismo culturalista de nossos ideólogos conservadores foi reanimado para enfeitar com folclore o receituário do conformismo e da falta de imaginação.
Já passou da hora de jogar tudo isso fora. Para compreender nossa experiência nacional, temos de executar obra de pensamento de valor universal. Identificar as estruturas, de organização e de consciência, que moldam nossa vida nacional. Reconhecer-lhes ao mesmo tempo o peso e a contingência. Expor as contradições, as anomalias, as brechas que fornecem oportunidades transformadoras. Mostrar como nos podemos organizar para diminuir o poder do passado sobre o futuro e a necessidade da crise para a mudança.
Dirão que nada disso pode acontecer no pensamento brasileiro antes de termos universidade séria e condições para o trabalho intelectual. Os renascimentos da inteligência, porém, nem sempre esperam os meios; às vezes os antecedem. É o espírito, escreveu Goethe, que faz o corpo.


ROBERTO MANGABEIRA UNGER.


Fonte: Folha de S.Paulo - 20/03/07.


APRENDER A SE DESOBEDECER


As livrarias estão repletas de livros na categoria "auto-ajuda". E eu tive a idéia para mais um. O título pode ser "Como Aprender a se Desobedecer para Alcançar Seus Objetivos e Ter Qualidade de Vida" e será sucesso de vendas, se tiver boa campanha publicitária, claro.
O autor -ou autora- precisa ter boa presença no vídeo e espontaneidade para se sair bem nas entrevistas, cativar o público e aumentar ainda mais as vendas. Ele também terá de ter disponibilidade para continuar a escrever porque, com o êxito do título, as editoras vão querer filhotes dele. "Ensine Seu Filho a Usar a Desobediência a Seu Favor", por exemplo, pode ser o segundo título do fenômeno que se transformará em série.
O parágrafo inicial pode ser assim: "Ouse se desobedecer! A vida toda você aprendeu a desobedecer aos seus pais, ao chefe, às regras de trânsito, aos prazos estabelecidos etc. Mas nunca ninguém ensinou você a desobedecer a você mesmo, a pessoa mais importante de seu universo. Então, torne a autodesobediência parte de sua vida a partir de agora e você alcançará um patamar superior". A expressão "eu vou me desobedecer agora" se transformaria em um mantra. Quem estivesse de dieta e tivesse vontade de comer além do permitido se lembraria dele, os casados iriam usá-lo como oração para escapar às tentações da carne.
As crianças, que se inspiram nos adultos, tentariam incorporar a mania e, quanto mais desobedientes fossem, mais agradáveis seriam consideradas. O problema é que elas não entenderiam a diferença entre desobedecer aos pais e professores e a si mesmo, e a vida de pais e mestres seguiria difícil. Entretanto, depois de um tempo, apesar de o livro se manter na lista dos mais vendidos, tudo continuaria igual para os leitores. É que, passado o entusiasmo inicial, o rei ficaria nu, e as pessoas perceberiam que, entre considerar boas as lições dos livros e conseguir praticá-las, há um longo caminho. Para desobedecer às vontades imediatas, a pessoa precisa ter autonomia e capacidade para se controlar. E a cultura atual valoriza mais o aqui e agora. É por isso que tem sido tão difícil para muita gente fazer dieta: é mais fácil ceder ao prazer imediato do que à promessa de satisfação futura.
Além de autonomia, para praticar a autodesobediência é preciso ser persistente, esforçado, comprometido até os ossos com tal conceito, e a tenacidade não tem sido uma qualidade popular entre nós. Aliás, tal palavra parece estar guardada a sete chaves no dicionário ultimamente, não é? Finalmente -mas só neste texto-, para se desobedecer é preciso ter maturidade para renunciar -já que rejeitar o imperativo das paixões não é simples. Por essas razões, o livro seria esquecido e suas lições, renegadas, mas só até que outro autor tivesse outra boa idéia para escrever a mesma coisa de um outro jeito. É que, no fundo, sabemos que temos sido escravos de nossos impulsos e caprichos. E esse tipo de livro faria, novamente, um grande sucesso.


ROSELY SAYÃO é psicóloga e autora de "Como Educar Meu Filho?" (ed. Publifolha)


Fonte: Folha de S.Paulo - 22/03/07.

 

editorial
cantinho do humor
coluna do canalha
eu digital
falou no FM? tá falado!
fazendo direito
formandos & formados
futebol show
manchetes da semana
marilene carolina
nossos colunistas
pense!
rapidinhas
turmas do FM
a jente herramos
fotos de eventos
trabalhos publicados
  buscar:     
fale conosco
Troque uma idéia com o Cara, Carinha e Canalha, 24 horas por dia.
histórico
“O jornal paralelo oficial dos alunos da FNH”?
créditos
Por trás de um grande site tem sempre uma grande empresa, clique e veja.
pensamentos

27/08/2017
PENSANDO NA VIDA... >>


09/04/2017
PENSANDO E PENSANDO... >>


18/02/2017
PENSANDO NO EGO... >>


30/12/2016
PENSANDO NAS ORIGENS... >>


14/10/2016
PENSE FORA DO AQUÁRIO... >>


27/08/2016
PENSANDO NAS APARÊNCIAS... >>


02/07/2016
PENSANDO NAS CRIANÇAS >>


30/04/2016
PENSE FORA DA CAIXINHA... >>


14/03/2016
PENSANDO NA FELICIDADE... >>


17/01/2016
PENSANDO NO MUNDO DE HOJE... >>


21/12/2015
PENSANDO NAS FILAS... >>


02/12/2015
PENSANDO NO PRÓXIMO... >>


25/10/2015
PENSANDO NO COLETIVO >>


20/09/2015
PENSANDO NA VIDA >>


14/06/2015
PENSANDO NO PLANETA... >>


05/06/2015
PENSANDO NAS ABELHAS >>


22/04/2015
PENSANDO NA CAPITAL... >>


25/03/2015
PENSANDO NOS CHEFES... >>


22/02/2015
PENSANDO NO FUTURO... >>


18/01/2015
PENSANDO NO FUTURO >>


11/12/2014
PENSANDO NAS APARÊNCIAS... >>


15/11/2014
PENSANDO NA ORIGINALIDADE >>


14/10/2014
PENSANDO NO FUTURO >>


17/09/2014
PENSANDO NAS ELEIÇÕES >>


31/08/2014
PENSANDO NA FILOSOFIA... >>


16/08/2014
PENSANDO NO SER HUMANO... >>


27/07/2014
PENSANDO EM VIDA... >>


13/07/2014
PENSANDO NA REDE >>


09/06/2014
PENSANDO NAS MARCAS... >>


28/05/2014
PENSANDO NA GENEROSIDADE >>


08/05/2014
PENSANDO NA HUMANIDADE >>


26/04/2014
PENSANDO NOS LIMITES... >>


09/04/2014
PENSANDO NO FIM DE SEMANA... >>


21/03/2014
PENSANDO NOS SENTIMENTOS >>


08/03/2014
PENSANDO NA EDUCAÇÃO >>


22/02/2014
PENSANDO EM POLÍTICA... >>


07/02/2014
PENSANDO NA HUMANIDADE... >>


24/01/2014
PENSANDO NOS CACHORROS... >>


10/01/2014
PENSANDO EM RESPEITO >>


24/12/2013
PENSANDO NO SOL >>


16/12/2013
PENSANDO NA VIDA... >>


07/12/2013
PENSANDO NA REDE... >>


24/11/2013
PENSANDO NA IGUALDADE >>


18/11/2013
PENSANDO NO MENSALÃO >>


03/11/2013
PENSANDO NA VIDA... >>


26/10/2013
PENSANDO NA LIDERANÇA... >>


19/10/2013
PENSANDO NA LITERATURA >>


12/10/2013
PENSANDO NAS MENINAS >>


05/10/2013
PENSANDO NO EMPREENDEDORISMO >>


25/09/2013
PENSANDO EM ARQUITETURA >>


13/09/2013
PENSANDO NAS UNIVERSIDADES >>


08/09/2013
PENSANDO NA ECONOMIA >>


31/08/2013
PENSANDO NO TRABALHO >>


24/08/2013
PENSANDO NA CENSURA... >>


17/08/2013
PENSANDO NA “EVOLUÇÃO”... >>


10/08/2013
PENSANDO NAS AVES >>


03/08/2013
PENSANDO NO MUNDO >>


20/07/2013
PENSANDO EM LIVROS >>


13/07/2013
PENSANDO NA SAÚDE >>


06/07/2013
PENSANDO EM HOMENAGENS >>


27/06/2013
PENSANDO NO ESPAÇO >>


20/06/2013
PENSANDO NA VIDA >>


13/06/2013
PENSANDO NA INTELIGÊNCIA >>


06/06/2013
PENSANDO POSITIVO... >>


30/05/2013
PENSANDO DIFERENTE >>


25/05/2013
PENSANDO NO CÉREBRO HUMANO >>


05/05/2013
PENSANDO EM ARTES >>


29/04/2013
PENSANDO EM FENÔMENOS... >>


21/04/2013
PENSANDO EM REDAÇÕES >>


12/04/2013
PENSANDO NO PRÓPRIO INTERESSE >>


06/04/2013
PENSANDO NO SONO >>


29/03/2013
PENSANDO NA DIGNIDADE >>


22/03/2013
PENSANDO NOS ALIMENTOS >>


14/03/2013
PENSANDO EM... >>


07/03/2013
PENSANDO EM PROJETOS >>


28/02/2013
PENSANDO NO CLIMA >>


22/02/2013
PENSANDO NAS LINHAS DE NAZCA >>


14/02/2013
PENSANDO NA OBESIDADE >>


07/02/2013
PENSANDO NA OBESIDADE >>


31/01/2013
PENSANDO NO PÃO NOSSO DE CADA DIA... >>


24/01/2013
PENSANDO NA REDE SOCIAL >>


19/01/2013
PENSANDO NO SUCESSO >>


13/01/2013
PENSANDO NO INTERCÂMBIO >>


04/01/2013
PENSANDO NAS BOBAGENS CIENTÍFICAS >>


27/12/2012
PENSANDO NOS TERMOS MARCANTES >>


20/12/2012
PENSANDO NA LÍNGUA >>


13/12/2012
PENSANDO NA BONDADE >>


06/12/2012
PENSANDO NO AMBIENTE >>


30/11/2012
PENSANDO EM TALENTOS >>


23/11/2012
PENSANDO NOS RELACIONAMENTOS >>


15/11/2012
PENSANDO NA POLÍTICA >>


08/11/2012
PENSANDO NO RELACIONAMENTO >>


02/11/2012
PENSANDO EM HERÓIS >>


25/10/2012
PENSANDO NO FUTURO DO DESIGN >>


18/10/2012
PENSANDO NA EDUCAÇÃO E PROTEÇÃO ESPECIAL >>


11/10/2012
PENSANDO NA CORRUPÇÃO >>


03/10/2012
PENSANDO EM PROTEÇÃO >>


26/09/2012
PENSANDO NOS LIMITES >>


20/09/2012
PENSANDO NO ÁRTICO >>


12/09/2012
PENSANDO NOS OCEANOS >>


05/09/2012
PENSANDO NOS CADEIRANTES >>


30/08/2012
PENSANDO NA SAÚDE >>


24/08/2012
PENSANDO NA LIBERDADE >>


15/08/2012
PENSANDO NA ÁGUA >>


09/08/2012
PENSANDO NA VIDA >>


05/08/2012
PENSANDO NA INFORMAÇÃO >>


30/07/2012
PENSANDO NA ABERTURA >>


21/07/2012
PENSANDO NA LEITURA >>


12/07/2012
PENSANDO NA EDUCAÇÃO >>


05/07/2012
PENSANDO NAS OLIMPÍADAS >>


28/06/2012
PENSANDO NA CORRUPÇÃO >>


21/06/2012
PENSANDO NO AMBIENTE >>


16/06/2012
PENSANDO NO TIBET >>


09/06/2012
PENSANDO NO PRÓXIMO >>


02/06/2012
PENSANDO NAS ESCOLAS RURAIS >>


25/05/2012
PENSANDO NA DEMOCRACIA >>


12/05/2012
PENSANDO NA FELICIDADE >>


03/05/2012
PENSANDO EM RESTAURANTES... >>


28/04/2012
PENSANDO NAS FRONTEIRAS DO VALOR >>


21/04/2012
PENSANDO NAS GLADIADORAS >>


14/04/2012
PENSANDO NAS PARAOLIMPÍADAS... >>


05/04/2012
PENSANDO NA MONALISA >>


31/03/2012
PENSANDO EM 2016 >>


24/03/2012
PENSANDO NOS RIOS >>


15/03/2012
PENSANDO NAS ÁGUAS DE MARÇO >>


07/03/2012
PENSANDO NA NOVA GERAÇÃO >>


29/02/2012
PENSANDO NA UNIVERSIDADE ABERTA >>


22/02/2012
PENSANDO NAS ABELHAS >>


18/02/2012
PENSANDO NO TRABALHO >>


09/02/2012
PENSANDO NA MOTIVAÇÃO >>


02/02/2012
PENSANDO NA PAZ >>


28/01/2012
PENSANDO EM CAUSAS HUMANITÁRIAS >>


19/01/2012
PENSANDO NO PLANETA >>


13/01/2012
PENSANDO NA NEUROLOGIA >>


06/01/2012
PENSANDO NA IRONIA >>


31/12/2011
PENSANDO NA HISTÓRIA >>


22/12/2011
PENSANDO NA ARTE >>


18/12/2011
PENSANDO NO FUTURO >>


11/12/2011
PENSANDO EM AULAS >>


03/12/2011
PENSANDO NO EM EQUILÍBRIO >>


26/11/2011
PENSANDO NOS TUBARÕES >>


19/11/2011
PENSANDO EM MARTE >>


13/11/2011
PENSANDO NO CLIMA >>


02/11/2011
PENSANDO NO FUTURO >>


29/10/2011
PENSANDO NA SUSTENTABILIDADE >>


22/10/2011
PENSANDO NO PONTO DE EBULIÇÃO >>


12/10/2011
PENSANDO ROSA >>


05/10/2011
PENSANDO NOS GLADIADORES >>


28/09/2011
PENSANDO EM "GÊNIOS" >>


21/09/2011
PENSANDO NA EXISTÊNCIA >>


14/09/2011
PENSANDO NA TERRA >>


07/09/2011
PENSANDO NA ARTE >>


01/09/2011
PENSANDO EM PURIFICAÇÃO >>


26/08/2011
PENSANDO NA LINGUAGEM INTERNACIONAL >>


18/08/2011
PENSANDO NO ESPAÇO >>


11/08/2011
PENSANDO NO PROFESSOR >>


04/08/2011
PENSANDO NO AMBIENTE >>


28/07/2011
PENSANDO NA MITOLOGIA >>


21/07/2011
PENSANDO NA BUROCRACIA >>


17/07/2011
PENSANDO NO LEITE MATERNO >>


10/07/2011
PENSANDO NA MISTURA DOS SENTIDOS >>


01/07/2011
PENSANDO EM SISTEMAS SOLARES >>


23/06/2011
PENSANDO NA FOME >>


16/06/2011
PENSANDO NA VIDA >>


08/06/2011
PENSANDO NA MORTE >>


02/06/2011
PENSANDO NO MEIO AMBIENTE >>


26/05/2011
PENSANDO NO DESEJO >>


19/05/2011
PENSANDO NOS INCAS >>


12/05/2011
PENSANDO NAS ARANHAS >>


05/05/2011
PENSANDO EM SUPRIMENTO DE ÁGUA >>


26/04/2011
PENSANDO NAS CRIANÇAS >>


22/04/2011
PENSANDO NAS PESSOAS >>


14/04/2011
PENSANDO NA FAMÍLIA >>


08/04/2011
PENSANDO NA VIDA >>


31/03/2011
PENSANDO EM SOLUÇÕES VERDES >>


26/03/2011
PENSANDO EM DESIGN VERDE >>


17/03/2011
PENSANDO NA FAMÍLIA >>


10/03/2011
PENSANDO NOS ELEFANTES >>


03/03/2011
PENSANDO EM CONCURSO CIENTÍFICO >>


27/02/2011
PENSANDO NO AMOR >>


17/02/2011
PENSANDO NO PENSAMENTO >>


10/02/2011
PENSANDO NO SOL >>


03/02/2011
PENSANDO EM INOVAÇÃO, CRIATIVIDADE E EXPERIMENTAÇÃO... >>


27/01/2011
PENSANDO NAS CIDADES >>


20/01/2011
PENSANDO NOS PÁSSAROS >>


13/01/2011
PENSANDO NA POPULAÇÃO MUNDIAL >>


07/01/2011
PENSANDO NO TALÃO DE CHEQUE >>


30/12/2010
PENSANDO NA COMUNIDADE CIENTÍFICA >>


21/12/2010
PENSANDO NOS MELHORES DA DÉCADA >>


16/12/2010
PENSANDO EM EDUCAÇÃO >>


09/12/2010
PENSANDO NO SOCIAL >>


02/12/2010
PENSANDO NO CLIMA >>


25/11/2010
PENSANDO EM FLORES >>


20/11/2010
PENSANDO NA CONVERVAÇÃO >>


14/11/2010
PENSANDO NA BIODIVERSIDADE >>


04/11/2010
PENSANDO NO CÉU >>


29/10/2010
PENSANDO EM MAPAS >>


21/10/2010
PENSANDO EM ESTÍMULO CEREBRAL >>


14/10/2010
PENSANDO NO CANCER DE MAMA >>


07/10/2010
PENSANDO NA ÁFRICA >>


02/10/2010
PENSANDO EM CHAMPAGNE >>


24/09/2010
PENSANDO NO MUNDO >>


17/09/2010
PENSANDO EM INOVAÇÃO >>


09/09/2010
PENSANDO NAS ATITUDES >>


01/09/2010
PENSANDO NA SOLUÇÃO >>


26/08/2010
PENSANDO NAS HORAS >>


19/08/2010
PENSANDO NOS DIREITOS HUMANOS >>


12/08/2010
PENSANDO EM ÁGUA POTÁVEL >>


05/08/2010
PENSANDO EM UNIVERSIDADE >>


03/08/2010
PENSANDO EM EVOLUÇÃO >>


22/07/2010
PENSANDO NOS JOVENS >>


15/07/2010
PENSANDO EM ECLIPSES >>


08/07/2010
PENSANDO NA FELICIDADE >>


01/07/2010
PENSANDO NA VIOLÊNCIA >>


24/06/2010
PENSANDO EM INOVAÇÃO >>


17/06/2010
PENSANDO NOS ANIMAIS >>


10/06/2010
PENSANDO NO CONSUMO VERDE >>


03/06/2010
PENSANDO EM ALTA FREQUENCIA >>


27/05/2010
PENSANDO EM PENSAMENTO >>


23/05/2010
PENSANDO NA PAZ >>


13/05/2010
PENSANDO EM ALTA DEFINIÇÃO >>


07/05/2010
PENSANDO NO FIM DE UMA ERA >>


29/04/2010
PENSANDO EM ENERGIA >>


24/04/2010
PENSANDO EM ECO COKE >>


15/04/2010
PENSANDO NA INCONFIDÊNCIA >>


08/04/2010
PENSANDO EM TRADUÇÃO >>


01/04/2010
PENSANDO EM GUERNICA >>


25/03/2010
PENSANDO EM AR PURO >>


19/03/2010
PENSANDO EM BANHO DE ÁGUA VERDE >>


11/03/2010
PENSANDO EM SOLUÇÃO NUCLEAR >>


04/03/2010
PENSANDO NAS ALTURAS >>


25/02/2010
PENSANDO EM OBSERVAÇÃO PANORÂMICA >>


18/02/2010
PENSANDO NA ECOLOGIA >>


13/02/2010
PENSANDO EM CORAGEM >>


04/02/2010
PENSANDO NO FUTURO URBANO >>


29/01/2010
PENSANDO E QUESTIONANDO >>


23/01/2010
PENSANDO NA CRIAÇÃO >>


15/01/2010
PENSANDO EM BOA AÇÃO >>


24/12/2009
PENSANDO EM RECICLAGEM >>


17/12/2009
PENSANDO NA REDUÇÃO DE PLÁSTICO NO AMBIENTE >>


10/12/2009
PENSANDO NAS MUDANÇAS CLIMÁTICAS >>


03/12/2009
PENSANDO NA MEMÓRIA >>


25/11/2009
PENSANDO NOS ANIMAIS SILVESTRES >>


20/11/2009
PENSANDO NA AMAZÔNIA >>


13/11/2009
PENSANDO NO ESPAÇO >>


05/11/2009
PENSANDO NO FUTURO >>


29/10/2009
PENSANDO NO PARAÍSO SUSTENTÁVEL >>


22/10/2009
PENSANDO EM LÁGRIMAS >>


16/10/2009
PENSANDO NA MAIOR FEIRA DE LIVROS DO MUNDO >>


08/10/2009
PENSANDO NOS PROFESSORES, PARABÉNS! >>


01/10/2009
PENSANDO EM MIGRAÇÃO >>


24/09/2009
PENSANDO NOS GOLFINHOS >>


17/09/2009
DIA INTERNACIONAL DA PAZ >>


10/09/2009
PENSANDO NO COMBATE À AIDS >>


03/09/2009
PENSANDO EM BLOG POLÊMICO >>


26/08/2009
PENSANDO EM FENÔMENOS V >>


20/08/2009
PENSANDO EM FENÔMENOS IV >>


13/08/2009
PENSANDO EM FONÔMENOS III >>


06/08/2009
PENSANDO EM FONÔMENOS II >>


29/07/2009
PENSANDO EM FONÔMENOS >>


24/07/2009
2009 - ANO DA FRANÇA NO BRASIL >>


14/07/2009
PENSANDO EM RECICLAGEM >>


09/07/2009
PENSANDO EM SEGURANÇA >>


03/07/2009
PENSANDO NO UNIVERSO >>


25/06/2009
PENSANDO NO ESPAÇO >>


19/06/2009
ADESIVOS SUSTENTÁVEIS >>


11/06/2009
PENSANDO EM FOTOGRAFIA >>


04/06/2009
PENSANDO NO AMBIENTE >>


28/05/2009
PENSANDO NA PAZ CELESTIAL >>


18/05/2009
PENSANDO EM "SHIT" >>


13/05/2009
PENSANDO NO CALHAMBEQUE DO FUTURO >>


07/05/2009
PENSANDO NA ADVERSIDADE >>


01/05/2009
PENSANDO EM ARTE A PARTIR DA ELETRICIDADE >>


22/04/2009
PENSANDO NO TRABALHADOR >>


15/04/2009
PENSANDO EM TIRADENTES >>


09/04/2009
PENSANDO NOS PROBLEMAS >>


01/04/2009
PENSANDO EM AMIZADE >>


25/03/2009
PENSANDO NOS ANIMAIS >>


19/03/2009
PENSANDO NA EMOÇÃO >>


12/03/2009
PENSANDO EM SHAKESPEARE >>


04/03/2009
PENSANDO EM RELACIONAMENTO >>


25/02/2009
PENSANDO NA VIDA >>


19/02/2009
PENSANDO EM BONDADE >>


12/02/2009
PENSANDO EM MONA LISA >>


06/02/2009
PENSANDO NO CARNAVAL >>


29/01/2009
PENSANDO NOS ESTUDOS >>


22/01/2009
PENSANDO NO INUSITADO >>


15/01/2009
LUMINOSIDADE >>


04/01/2009
PENSANDO EM TATUAGEM >>


02/01/2009
PENSANDO EM CUBA >>


25/12/2008
PENSANDO EM 2009 >>


18/12/2008
SEMPRE PENSANDO >>


11/12/2008
FELIZ 2000INOVE >>


04/12/2008
PENSANDO NO VAZIO >>


29/11/2008
PENSANDO EM SOLIDARIEDADE >>


20/11/2008
PENSANDO EM REFORMAS >>


13/11/2008
AO SUCESSO >>


06/11/2008
GRANDES EMPREENDEDORES! >>


30/10/2008
TEMPLO RECICLÁVEL >>


22/10/2008
PENSANDO EM XADREZ >>


16/10/2008
PENSANDO EM LITERATURA >>


10/10/2008
ORDEM DE GRANDEZA >>


01/10/2008
ALTOS E BAIXOS >>


25/09/2008
QUEM AMA, CUIDA! E PROTEGE O PATRIMÔNIO >>


16/09/2008
PENSANDO NA TRAIÇÃO >>


09/09/2008
PENSANDO EM DISCIPLINA >>


03/09/2008
PENSANDO NAS "BARBARIDADES" DO MUNDO >>


29/08/2008
PENSANDO BEM... >>


21/08/2008
PENSANDO EM PAZ >>


15/08/2008
ROSTOS E OLHARES >>


08/08/2008
PENSE NA MURALHA >>


31/07/2008
AS OLIMPÍADAS DA CHINA >>


27/07/2008
AMEAÇAS E OPORTUNIDADES >>


14/07/2008
CLIMA SAUDÁVEL >>


06/07/2008
LIDERANÇA GLOBAL >>


03/07/2008
ENVOLVIMENTO E COMPROMETIMENTO >>


26/06/2008
CRIATIVIDADE GIGANTESCA >>


19/06/2008
ARTE PURA >>


12/06/2008
PAIXÃO: A FORÇA QUE IMPULSIONA! >>


05/06/2008
COMPETITIVIDADE >>


29/05/2008
A SUPERAÇÃO DE OBSTÁCULOS >>


23/05/2008
OBRA-PRIMA >>


15/05/2008
EXPLOSÃO DE FORMA V >>


10/05/2008
EXPLOSÃO DE FORMAS IV >>


01/05/2008
EXPLOSÃO DE FORMAS III >>


21/04/2008
EXPLOSÃO DE FORMAS II >>


16/04/2008
EXPLOSÃO DE FORMAS >>


10/04/2008
REPENSE! >>


03/04/2008
MOTIVAÇÃO ESTRELAR >>


29/03/2008
PENSANDO E SOBREVIVENDO >>


21/03/2008
QUEM CUIDA DE VOCÊ, É VOCÊ MESMO! >>


15/03/2008
CRIATIVIDADE E INOVAÇÃO >>


08/03/2008
AURORA BOREAL NO ALASKA >>


01/03/2008
ADVERSIDADES E OBSTÁCULOS >>


22/02/2008
A LIDERANÇA LUNAR >>


15/02/2008
OS CAMINHOS DA ADMINISTRAÇÃO >>


07/02/2008
COOPERAÇÃO E COLABORAÇÃO >>


30/01/2008
ROMPENDO COM O PASSADO E SE PREDISPONDO A MUDAR >>


24/01/2008
NOVOS VALORES E PRINCÍPIOS >>


19/01/2008
ÉTICA, QUESTÃO DE SOBREVIVÊNCIA! >>


12/01/2008
MELHORAR CONTINUAMENTE É PRECISO... >>


30/12/2007
COMUNICAÇÃO E SINERGIA >>


23/12/2007
CADA SER HUMANO É ÚNICO... E DEVE SER VALORIZADO A CADA ANO... >>


16/12/2007
CAPITAL HUMANO >>


10/12/2007
A VIDA VALE A PENA >>


03/12/2007
PROTESTAR, REFLETIR E PENSAR... >>


26/11/2007
ESTÁTUAS PELO MUNDO...PARA PENSAR E REFLETIR V >>


19/11/2007
ESTÁTUAS PELO MUNDO...PARA PENSAR E REFLETIR IV >>


13/11/2007
ESTÁTUAS PELO MUNDO...PARA PENSAR E REFLETIR III >>


06/11/2007
ESTÁTUAS PELO MUNDO...PARA PENSAR E REFLETIR II >>


02/11/2007
ESTÁTUAS PELO MUNDO...PARA PENSAR E REFLETIR >>


25/10/2007
É PENSAR E REFLETIR... >>


17/10/2007
ELITE BRANCA??? >>


14/10/2007
O PROFESSOR DA ARTE - PAULO AUTRAN >>


30/09/2007
FOTOS PARA PENSAR VI >>


24/09/2007
FOTOS PARA PENSAR V >>


16/09/2007
FOTOS PARA PENSAR IV >>


10/09/2007
FOTOS PARA PENSAR III - WORLD TRADE CENTER >>


02/09/2007
FOTOS PARA PENSAR II >>


27/08/2007
FOTOS PARA PENSAR I >>


20/08/2007
É PRECISO PENSAR, NEM QUE SEJA PELADO!!! >>


13/08/2007
"NESSA LONGA ESTRADA DA VIDA..." >>


08/08/2007
HIROSHIMA - 62 ANOS >>


01/08/2007
ARROGÂNCIA >>


18/07/2007
5% OU 95%? ONDE VOCÊ SE ENCAIXA? >>


13/07/2007
EQUILÍBRIO E PLANEJAMENTO... >>


03/07/2007
ENTRE O CÉU E O INFERNO? >>


29/06/2007
RICOS CRESCEM MAIS NO PAÍS QUE NO MUNDO >>


18/06/2007
PENSAR OU RELAXAR E GOZAR? >>


17/06/2007
FEIRA DO LIVRO E ENCONTRO DE LITERATURA, NINGUÉM SEGURA "ECE" PAÍS... >>


04/06/2007
O FUTURO DO NOSSO PLANETA??? >>


28/05/2007
PROTESTO CONTRA A VIOLÊNCIA >>


21/05/2007
HÁ QUE SE PENSAR MUITO... >>


14/05/2007
A IMPORTÂNCIA DA BELEZA INTERIOR >>


07/05/2007
SEJA COMPETENTE >>


01/05/2007
VAMOS PENSAR MUITO SOBRE A ATUAL VIOLÊNCIA, PESSOAL!!! >>


23/04/2007
CHOCANTE! PARA PENSAR MESMO! >>


17/04/2007
FOTO QUE POR SI SÓ FALA A VERDADE >>


07/04/2007
IDÉIAS... >>


28/03/2007
É PARA PENSAR E AGIR... >>


21/03/2007
É REALMENTE PARA PENSAR E REFLETIR... >>


13/03/2007
DE PORTAS ABERTAS PARA A REFLEXÃO... >>


07/03/2007
TEMPO, FRASES, ANÚNCIOS DE EMPREGO... >>


03/03/2007
A VIDA É UM LIVRO ABERTO >>


14/02/2007
O SOL NASCEU PARA TODOS, BASTA PENSAR!!! >>


29/01/2007
VAMOS VIVENDO, VAMOS PENSANDO, VENDO AS HORAS, QUE VÃO PASSANDO... >>


14/12/2006
MENSAGEM DO ERNANI >>


04/12/2006
VAMOS TENTAR LIDAR MELHOR COM AS PESSOAS? COMO GENTE! >>


02/12/2006
100SACIONAL - SÓ AS MELHORES DO "PENSE!" >>


13/11/2006
HOMEM DE COR >>


09/11/2006
A LOGÍSTICA PORTUÁRIA EM QUESTÃO! >>


30/10/2006
PENSANDO EM POLÍTICA E RISCO... >>


23/10/2006
A VIDA CONTINUA... >>


17/10/2006
NÃO HÁ LIMITES PARA OS NOSSOS PENSAMENTOS! NEM O DESERTO! >>


09/10/2006
REFLEXÃO! >>


01/10/2006
O PODER DO PENSAMENTO E DA REFLEXÃO! >>


25/09/2006
QUAL O SEU TAMANHO? >>


21/09/2006
DEMOCRACIA É ISSO... >>


11/09/2006
PERGUNTARAM AO DALAI LAMA... >>


04/09/2006
O PODER DO PENSAMENTO >>


29/08/2006
NÃO VAMOS SILENCIAR! >>


21/08/2006
ATENDENDO O CLIENTE COM ELEGÊNCIA >>


20/08/2006
AMIGOS OU INIMIGOS? >>


24/06/2006
QUEM NÃO SE DEDICA SE COMPLICA! >>


12/06/2006
JOHN LENNON >>


04/06/2006
PARA REFLETIR >>


27/05/2006
QUEM SOMOS NÓS? >>


20/05/2006
SE INSPIRE NA VIDA DAS ÁGUIAS >>


14/05/2006
ANO DE ELEIÇÃO >>


07/05/2006
É CURIOSO! >>


01/05/2006
LAVAGEM CEREBRAL NA SALA DE AULA >>


27/04/2006
REUNIÕES! FIQUE ESPERTO! >>


27/04/2006
PONHA OS MIOLOS PRA TRABALHAR >>


06/04/2006
Pense >>


06/04/2006
SABEDORIA >>


23/03/2006
A ARTE DE PRODUZIR CLIENTES >>