Faculdade Mental
A JENTE HERRAMOS - 20/11/2008
  

OBRA DE ARTE

ONU - O TETO MILIONÁRIO


English:
http://www.humanrights-geneva.info/Barcelo-unveils-UN-Sistine-Chapel,3730
http://www.swissinfo.org/eng/feedback.html?siteSect=105&sid=9983600
Inaugurada a cúpula de uma das salas da sede da ONU em Genebra (sala dos Direitos HUmanos). O teto custou US$ 23 milhões, obra do artista espanhol Miquel Barceló, e está causando polêmica pelo valor. Barceló passou 13 meses para pintar mais de 1.400 metros quadrados.
Fonte: O Tempo - 19/11/08.
Leia mais:
http://www1.folha.uol.com.br/folha/mundo/ult94u468928.shtml


BRASIL TEM UM DOS PIORES CRESCIMENTOS
Pesquisa divulgada pelo IPEA mostrou verdadeiro abismo numérico em um período favorável à China, com crescimento do PIB per capita de 896% entre 1975 e 2005 e muito desfavorável ao Brasil, com minguados 35,6% do PIB per capita (soma de tudo que é produzido no país durante um ano divido pelo número de habitantes).
"Foi por conta da profunda desaceleração econômica do Brasil, com grande desajuste da dívida externa, e a China num período de grande inserção na economia mundial", é a análise do coordenador da pesquisa do Ipea "Desenvolvimento e Experiências Internacionais Comparadas", Milko Matijascic.
O Brasil só supera a África do Sul e Argentina em crescimento econômico no período de 1975 a 2005. Os outros países analisados foram Rússia, Índia, China, EUA, Alemanha, Finlândia, Espanha e México.
A crise mundial, inferno para muitos, pode ser a grande virada para o Brasil. "Se enfrentarmos nossas diferenças e continuarmos na rota dos últimos cinco anos, talvez sejamos o país de maior economia daqui a 30 anos", prevê o pesquisador.
O PIB per capita do Brasil perdeu também para o crescimento da Índia (174,3%), Finlândia (88,5%), Estados Unidos (88,2%), Espanha (85,3%), Alemanha (79,8%) e México (49%).
"O Brasil está mais pobre que os Estados Unidos, onde a renda per capita era de US$ 19 mil e hoje é de US$ 37 mil: quase dobrou. O Brasil só cresceu um terço neste período", observa, sobre a renda de US$ 7.475 dos brasileiros, em 2005.
Se a nossa distância para países ricos aumentou, alguns outros países emergentes se aproximaram, como China e Índia. Outros tiveram movimento pior do que o Brasil, como a Rússia. O que fazer? " Investir na melhoria da qualidade da saúde e educação", sinaliza. O pior período do Brasil, na análise do pesquisador, foram os anos 90, devido à grande precarização nas condições de trabalho.
Diferenças entre o Brasil e os outros dez pesquisados
35,6% é o crescimento do PIB per capta do Brasil durante 30 anos
896% de crescimento do PIB per capta da China, EUA cresceu 88,2%
4,69 de assassinatos por 100 mil habitantes faz o Brasil liderar o ranking
0,07 na Alemanha de assassinatos por 100 mil habitantes, um dos menores
70 anos é a esperança de vida total do brasileiro
57 anos é tempo de vida brasileiro sem doença crônica
País é líder na violência
O ponto mais negativo da pesquisa do Ipea é a violência no Brasil: 4,69 casos por 100 mil habitantes. Enquanto o país é o primeiro colocado em mortes violentas, a Alemanha ocupa a última colocação.
A pesquisa feita em países de grandes economias mostra o aumento do salário mínimo como ponto positivo na área social. "O país precisa gastar menos com encargos financeiros e mais com infra-estrutura. Isto pode diminuir problemas no trânsito e dar emprego para os menos qualificados", aconselha. Outra reclamação de Milko Matijascic é sobre a educação brasileira. "Está muito ruim", ressalta. Outro agravante são as vias de acesso. "Nosso país é desintegrado. Para deslocar são estradas ruins ou precisamos usar aviões". A pesquisa está no (http://www.ipea.gov.br/default.jsp).
Helenice Laguardia - Fonte: O Tempo - 20/11/08.
Pesquisa completa - http://www.ipea.gov.br/sites/000/2/comunicado_presidencia/08_11_19_DesenvolvimentoInternacional_Milko.pdf
Apresentação - http://www.ipea.gov.br/sites/000/2/pdf/08_11_19_desenvolcimentoExperienciasInternacionais.pdf


ETIQUETA NA VIDA REAL
Muitas das convenções de séculos atrás persistem até hoje – mas a realidade é menos dogmática e mais flexível do que pregam os manuais de etiqueta modernos.
No caso dos trajes para festas, o tempo se encarregou de abolir certas obrigações e permitir variações à regra original. Em países quentes como o Brasil, essas adaptações são ainda mais comuns. Basicamente, por uma razão: sob termômetros de 40 graus, ninguém agüenta andar por muito tempo embrulhado num terno preto ou paramentar-se com excesso de adereços.
A pedido de VEJA, as consultoras Gloria Kalil e Cintia Taira e a professora universitária de moda Maria Alice Ximenes dizem o que significam, afinal, alguns dos termos mais freqüentes nos convites. Na prática, elas mostram que é possível, sim, fugir do velho manual – sem que isso seja visto como um atentado à etiqueta. Os comentários.
Black-tie 
Sinônimos: traje a rigor, habillé ou tenue de soirée
Comentário: é o traje mais formal e o menos sujeito a adaptações
Homens
O que pede o manual: smoking completo, com gravata-borboleta preta ou faixa da mesma cor na cintura, tal qual se vestiam os ricos da era vitoriana, época em que surgiu o black-tie
A realidade: num país em que predomina o calor, como o Brasil, ninguém sentirá falta do colete nem da faixa na cintura. Ao contrário. É preferível circular com a versão mais concisa a passar a festa inteira numa sauna ambulante, dizem os especialistas
Mulheres
O que pede o manual: vestido longo e bolsa fazendo par com os sapatos
A realidade: desde que prevaleça o bom senso e ninguém vá de minissaia, o comprimento do vestido é livre. Foque o tecido, que deve ser, naturalmente, mais chique. Entenda-se por isso: seda, tafetá, chiffon – e não malha, algodão, Lycra. Bolsa e sapatos formando um par de vasos? É falta de imaginação
Esporte fino
Sinônimos: passeio ou tenue de ville
Comentário: é mais comum durante o dia e ao ar livre, daí ser menos formal
Homens
O que pede o manual: calça social, camisa clara e blazer. Não se usa gravata
A realidade: a calça não precisa ser social, tampouco a camisa, mesmo em caso de festa noturna. Muita gente aparece de blazer, um bom jeans e camisa pólo - e, assim, se integra bem ao ambiente. A informalidade, no entanto, tem lá seus limites. Que ninguém vá de tênis
Mulheres
O que pede o manual: tailleur ou vestido de microfibra, linho e até seda. Sapatos de altura mediana ou altos
A realidade: de dia, vale até algodão. Se o decote for acentuado, é melhor que o vestido não seja muito curto, e vice-versa. O castigo de optar por um salto nas alturas é ele ficar atolado na grama
Passeio completo
Sinônimos: traje social ou social completo 
Comentário: um degrau abaixo do black-tie na escala de formalidade, é o que mais aparece nos convites
Homens
O que pede o manual: terno escuro e gravata idem
A realidade: temperatura alta e festa diurna, como é muitas vezes o caso, não vão bem com preto. Daí a cor ter deixado, pouco a pouco, de ser uma exigência – e muita gente preferir tons claros
Mulheres
O que pede o manual: vestido ou tailleur de tecidos nobres (leia-se: seda, tafetá, chiffon), salto altíssimo, bolsa pequena e cabelo preso
A realidade: há liberdade quanto à escolha da altura dos sapatos (desde que não sejam rasteiros), do tamanho da bolsa (tanto faz, contanto que não seja GG), do vestido (que pode ser substituído por um tailleur ou um terno, sem nenhum risco de que isso cause espanto) e do penteado (uma escova resolve)
Esporte
Sinônimo: casual
Comentário: o pior erro aqui é achar que não há regras
Homens
O que pede o manual: calça de sarja com camisa social ou pólo
A realidade: no começo do século XX, era o uniforme dos ricos que iam assistir a corridas de cavalo ou torneios de tênis. Hoje, permite camiseta, jeans e até tênis, desde que sejam mais sociais. Erro fatal? Aparecer de bermuda e sandálias, como quem vai a um churrasco
Mulheres
O que pede o manual: saia de tecido leve, vestido de algodão ou calça jeans. Sandálias ou sapatos sem salto
A realidade: quase tudo é permitido, com exceção de minissaias e blusas curtas que deixam a barriga à mostra
Monica Weinberg - Fonte: Veja - Edição 2087.


BONS HÁBITOS NA ACADEMIA
Os especialistas definem os tipos mais freqüentes em academias de ginástica – e suas gafes mais comuns. A lista:
Perfil: desinibido
Erro comum: desfilar com roupas dois números abaixo do ideal
Comentário: roupas de ginástica justas ou decotadas demais são um obstáculo para algo fundamental numa atividade física: a liberdade de movimentos
Perfil: perfumado
Erro comum: entornar meio vidro de perfume antes da malhação
Comentário: já seria insuportável por si só, mais ainda numa situação em que o perfume se mescla ao cheiro de suor reinante
Perfil: exibido
Erro comum: durante os exercícios, emitir os mais variados grunhidos, sempre em volume máximo. Ao final, soltar os pesos no chão com brutalidade
Comentário: os ruídos, além de desnecessários, desconcentram os outros
Perfil: Ph.D. de academia
Erro comum: palpitar no treino alheio
Comentário: conselhos não apenas são invasivos como, vindos de um amador, freqüentemente erram o alvo
Contra o exagero
A escritora americana Cindy Post Senning, especialista em etiqueta, falou a VEJA sobre seu novo livro, Teen Manners (ainda sem tradução no Brasil), destinado a adolescentes. Alguns trechos:
À mesa
"Se ninguém der a partida na refeição, tome a iniciativa com um ‘bom apetite’ e siga em frente. Pouco fino é comer comida fria. Cotovelos? É natural apoiá-los na mesa. Duas regras básicas: não comer de boca aberta e evitar apossar-se dos talheres e pratos alheios"
Internet
"Num chat sobre música, o chato é aquele que insiste em falar de futebol"
E-mail
"Correspondências mais formais exigem um retorno à escrita convencional. Entenda-se por isso: letra maiúscula, parágrafo e nada de abreviações"
Celular
"Foto na rua, só depois de consultar o modelo em questão"
Piercings e tatuagens
"Numa entrevista de trabalho, melhor tirá-los ou escondê-las. Dependendo da empresa, podem custar o emprego"
Com reportagem de Camilla Costa, Marcos Todeschini e Renata Betti - Fonte: Veja - Edição 2087.


NUNCA ESTAMOS NOS NOSSOS MELHORES DIAS
Depois de 17 anos de jornalismo, vou fazer um filme de época, passado no Rio, no final dos anos 50 (meus inimigos dirão: "Mais um abacaxi...") Não é autobiográfico, mas contém, claro, detritos de minha vida de adolescente, naqueles anos maravilhosos entre o fim do pós-guerra e a chegada dos anos 60, que o golpe militar derrubou.
Por isso, ando pesquisando rostos, gestos, sentimentos daqueles anos remotos. Minhas primeiras pesquisas foram em casa mesmo: minha família, a rua onde vivi minha infância profunda, esquinas, terrenos baldios, quintais com gato, canário e galinheiro, vira-latas mijando nos postes.
Meu pai foi aos Estados Unidos e comprou uma máquina de filmar, de 8 mm, Kodak. Tenho essa câmera até hoje e, de vez em quando, fico olhando o buraco da lente por onde passou minha vida. Meu pai fez um verdadeiro longa-metragem de nossa família. Minhas primeiras imagens são quase de fraldas e as últimas mostram-me com 20 anos, recebendo a espada de aspirante da reserva, perfilado no quartel do Exército.
Lá estou eu, moleque jogando ioiô, soltando pião, lá estão meus pais, lindos, jovens, se beijando. Minha mãe era a Greta Garbo e meu pai um sheik meio Rodolfo Valentino e eles ainda se beijam, ali na tela, em tênue "close-up" por toda a eternidade.
Nas imagens trêmulas, fora de foco, vi minha pobre família de classe média tentando uma felicidade precária, constrangida, me vi de novo, menino comprido feito um bambu ao vento, com as neuroses que até hoje me crispam a alma. Na tela, vi que minha crise de identidade já estava traçada.
Agora, meu filho de oito anos brinca com a câmera de 8 mm; explico-lhe o mistério do buraquinho mágico da câmera, mas ele não se liga nessas falas analógicas/digital, contemporâneo, já na Internet.
Sozinho, fui atrás de velhos filmes da época. Queria ver, no passado, se havia alguma chave que explicasse meu presente ou revelasse algo que perdi, que o Brasil perdeu... Mas o que me impressionou nos filmes velhos a que assisti foi o "décor", foram os exteriores, as ruas do Rio antigo. Ali estava gravado aquele presente dos anos 50, que me pareceu um presente atrasado, "aquém" de si mesmo.
A mesma impressão tive quando vi o filme famoso de Orson Welles "It’ s All True", com as cenas do Carnaval carioca em tecnicolor (espantosamente, são as únicas imagens a cores do Brasil daquele tempo). Dava para ver nos corpinhos dançantes do Carnaval uma medíocre animação carioca, com pobres baianinhas em tímidos meneios, galãs fraquinhos imitando Clark Gable, todos com uma visível falta de saúde, nos corpos, nos olhos baços, adivinhando-se a alimentação pobre e a informação rala.
Dava para ver a fragilidade indefesa e ignorante daquele povinho dançando, iludido pelos burocratas da capital. Dava para ver ali que, como no filme de minha família, faltava muita substância naquele passado.
No entanto, se vemos os filmes norte-americanos dos anos 40 e 50, não sentimos falta de nada. Com suas geladeiras brancas e seus telefones pretos, cabelos altos e chapéus, tudo já funcionava como hoje.
Mudaram os figurinos, mas eles, no passado, estavam à altura de sua época. A recessão de hoje vai mudar a cara norte-americana, sem dúvida, mas aos poucos tudo vai se restaurar, porque seu DNA ianque se recompõe e eles continuarão sólidos em sua marcha obsessiva.
Por outro lado, nós, brasileiros, éramos carentes de alguma coisa que desconhecíamos - aliás, como hoje, pois continuamos "anestesiados, mas sem cirurgia", em nosso subdesenvolvimento endêmico (M. H. Simonsen).
Como éramos atrasados naquele "presente". Nos filmes brasileiros antigos parece que todos morreram sem conhecer seus melhores dias. Por que não avançamos do atraso para uma modernização verdadeira? Porque nosso presente é uma mistura de irrelevâncias com raríssimas mudanças estruturais e importantes. O atraso resiste em todas as áreas da vida.
O essencial nunca é feito, principalmente neste governo, que já boiou por cinco anos nos feitos da administração anterior e na "bolha" financeira que nos mandou dinheiro fácil, mas que agora estourou. E o Lula, o mascote da esquerda "boa-praça", o "operário-padrão" queridinho do G-8, finge que a crise é "coisa de gringos", que não o atingirá, como se fosse um novo "mensalão" global.
Nosso presente não tem mais a luz triste, preto-e-branco do passado; tem cores vivas, digitais, Internet e progressos aparentes, mas tudo encravado num mar de miséria e atraso.
Basta ver o rosto do povo em qualquer rua. O que chamamos de Brasil moderno é uma ilha maldita de "Caras", uma selva de celebridades inúteis, se batendo, se comendo, se exibindo numa ociosidade patética.
Como nos veremos do futuro daqui há décadas? Não veremos os ridículos fracotes mal-alimentados dos anos 40 e 50; mas veremos um show de mediocridades travestidas de "avançadas". O Brasil está tonto, perdido entre novidades técnicas, cercadas de miséria e estupidez. Somos um gigante com os pés metidos na lama, na corrupção, na violência, mas posando de tecnológicos e cibernéticos.
Como criaremos um presente moderno sem reformas no Estado e no Judiciário? Como ser "moderno" com freiras assassinadas e matadores soltos? Como - se os colarinhos brancos riem na cara do país, impunes para sempre?
Assistimos a chacinas diárias entre chips e websites. Temos Ferraris nas ruas e tiroteios em Ipanema. "High School Musical" na TV e crianças esquartejadas na vida real.
Vivemos um narcisismo brega, desinformado, balbuciando reclamações vagas, sem união para protestos, sem desejos claros para vocalizar.
Nosso atraso cria a utopia de que, um dia, chegaremos a algo definitivo. Mas, ser subdesenvolvido não é "não ter" futuro; é nunca estar no presente.
Arnaldo Jabor - Fonte: O Tempo - 18/11/08.


MEIA-ENTRADA ESTUDANTIL
Nas últimas semanas esteve em pauta na mídia brasileira o projeto de lei em discussão no Senado Federal que regulamenta o direito à meia-entrada estudantil.
Inicialmente, o projeto restringia a meia-entrada nos finais de semana e feriados. Resistimos e esse ponto foi retirado do projeto.
O texto, porém, ainda estabelece a reserva de 40% dos ingressos para a meia-entrada.
De fato, a iniciativa de tentar coibir a emissão de carteiras de estudante falsificadas, proposta no projeto, está de acordo com o que nós, estudantes, reivindicamos desde 2001, quando a medida provisória nº 2.208/01 desregulamentou a emissão das carteirinhas.
A MP definia que qualquer estabelecimento poderia emitir carteira de identificação estudantil, dando origem às fraudes que vemos hoje.
A proliferação descontrolada das carteirinhas fez com que estabelecimentos como cinemas, teatros, ginásios e estádios esportivos começassem a contar com sessões cujo percentual de ingressos de meia-entrada era altíssimo, o que fez com que os preços dos entretenimentos aumentassem substancialmente para compensar o déficit na arrecadação.
Concordamos com vários pontos do projeto de lei sobre a regulamentação da emissão das carteiras estudantis, inclusive fomos nós que propusemos o ponto que trata da legitimidade do documento (criação de um fórum formado por representantes das entidades estudantis e do fazer cultural e de entretenimento no país para gerenciamento e controle da emissão, que teria a chancela da Casa da Moeda).
A simples regulamentação da emissão do documento já fará com que os ingressos de meia-entrada caiam bastante em cada sessão, já que terá acesso a esse direito apenas quem é estudante de fato, diferente do que ocorre atualmente, ou seja, não será sequer necessária a limitação imposta pelo sistema de cotas.
A meia-entrada é um direito dos estudantes, conquistado com muita luta em anos passados e defendido por aqueles que sabem que nossa formação intelectual não se dá apenas em sala de aula. Este é um primeiro motivo que nos faz rechaçar a proposta de cotas. Além disso, a fiscalização com relação ao percentual é impossível. Caso esse ponto do projeto seja mantido, ficaremos reféns da boa-fé do empresariado.
Não teremos a certeza de que os 40% dos ingressos realmente foram destinados aos estudantes. Os próprios empresários admitem que não há alternativa eficiente para controlar a venda.
Reafirmamos, mais uma vez, que defendemos o direito à meia-entrada.
É necessária também a validação apenas das carteiras emitidas pelas entidades estruturadas e reconhecidas nacionalmente, mediante apresentação de documentos que comprovem sua atuação legal e legítima.
Abaixo a medida provisória nº 2.208/01!
Pela regulamentação da emissão de carteiras sem restrição do direito!
Lúcia Stumpf - Presidente da União Nacional dos Estudantes - Fonte: O Tempo - 21/11/08.


E NÓIS QUE PENSAVA QUE NUNCA ERRAVA!
CONTINUAMOS ERRANDO PROPOSITALMENTE...! HERRAR É UMANO!


Se você vir alguma coisa errada, mande um e-mail pelo FALE CONOSCO que "a ajente correge". Clique aqui e envie: http://www.faculdademental.com.br/fale.php


 

editorial
cantinho do humor
coluna do canalha
eu digital
falou no FM? tá falado!
fazendo direito
formandos & formados
futebol show
manchetes da semana
marilene carolina
nossos colunistas
pense!
rapidinhas
turmas do FM
a jente herramos
fotos de eventos
trabalhos publicados
  buscar:     
fale conosco
Troque uma idéia com o Cara, Carinha e Canalha, 24 horas por dia.
histórico
“O jornal paralelo oficial dos alunos da FNH”?
créditos
Por trás de um grande site tem sempre uma grande empresa, clique e veja.
ops...

29/10/2017
"HERROS" MONETÁRIOS... >>


09/04/2017
"HERROS" GERENCIAIS... >>


18/02/2017
"HERROS" IMPACIENTES... >>


30/12/2016
"HERROS" FUTUROS >>


08/10/2016
"HERROS" INFANTIS >>


05/09/2016
"HERROS" ATRAVÉS DOS TEMPOS... >>


02/07/2016
"HERROS" CONJUGAIS... >>


30/04/2016
"HERROS" PERSISTENTES >>


14/03/2016
"HERROS" IMPENSADOS... >>


17/01/2016
"HERROS": A PRISÃO DO LIVRO... >>


21/12/2015
"HERROS" CATASTRÓFICOS... >>


07/12/2015
"HERROS" DE ATENÇÃO... >>


28/09/2015
"HERROS" MORTAIS... >>


13/09/2015
"HERROS" MATERIAIS... >>


23/06/2015
"HERROS" SOCIAIS... >>


31/05/2015
"HERROS" ATUAIS... >>


21/04/2015
“HERROS” AMBIENTAIS... >>


22/03/2015
"HERROS" ESCOLARES >>


22/02/2015
“HERROS” EDUCACIONAIS >>


18/01/2015
“HERROS” INFANTIS... >>


11/12/2014
“HERROS” INTERIORES... >>


16/11/2014
“HERROS” MIDIÁTICOS... >>


14/10/2014
“HERROS” LOCAIS... >>


17/09/2014
“HERROS” EDUCACIONAIS... >>


31/08/2014
“HERROS” DE VIDA >>


12/08/2014
“HERROS” DE INTERPRETAÇÃO... >>


27/07/2014
“HERROS” MODERNOS... >>


13/07/2014
“HERROS” COMPORTAMENTAIS >>


09/06/2014
“HERROS” COLOQUIAIS... >>


28/05/2014
“HERROS” IMAGINÁRIOS... >>


08/05/2014
“HERROS” SEMELHANTES... >>


23/04/2014
“HERROS” DE ATITUDE... >>


10/04/2014
“HERROS” EVIDENTES... >>


21/03/2014
“HERROS” PERCEPTIVOS >>


08/03/2014
“HERROS” COMPORTAMENTAIS... >>


22/02/2014
“HERROS” TECNOLÓGICOS... >>


07/02/2014
“HERROS” VISUAIS... >>


24/01/2014
“HERROS” REGISTRADOS... >>


13/01/2014
“HERROS” EXPOSTOS >>


24/12/2013
“HERROS” JORNALÍSTICOS... >>


15/12/2013
“HERROS” DITATORIAIS >>


07/12/2013
“HERROS” ITALIANOS >>


24/11/2013
“HERROS” DROGADOS >>


17/11/2013
“HERROS” SEGREGACIONISTAS >>


03/11/2013
“HERROS” LABORAIS... >>


26/10/2013
“HERROS” POLUÍDOS... >>


19/10/2013
“HERROS” MONETÁRIOS >>


12/10/2013
“HERROS” REGULADOS >>


05/10/2013
“HERROS” EDUCACIONAIS >>


25/09/2013
“HERROS” CLANDESTINOS >>


13/09/2013
“HERROS” ESPIONADOS... >>


08/09/2013
“HERROS” DE COMPETITIVIDADE >>


31/08/2013
“HERROS” COMPORTAMENTAIS >>


24/08/2013
“HERROS” DE CÁLCULO... >>


17/08/2013
”HERROS” EM DEBATE >>


10/08/2013
“HERROS” NA REDE >>


03/08/2013
“HERROS” MIDIÁTICOS >>


20/07/2013
“HERROS” DE ATENÇÃO... >>


13/07/2013
“HERROS” PERCEPTIVOS >>


06/07/2013
“HERROS” VIOLENTADOS >>


27/06/2013
“HERROS” DENUNCIADOS >>


20/06/2013
“HERROS” PROJETADOS >>


13/06/2013
“HERROS” TARIFÁRIOS >>


06/06/2013
“HERROS” AROMÁTICOS >>


30/05/2013
“HERROS” INESCRUPULÓSOS >>


25/05/2013
“HERROS” NOMEADOS >>


05/05/2013
“HERROS” INCRÍVEIS E BIZARROS... >>


29/04/2013
“HERROS” OCASIONAIS >>


21/04/2013
“HERROS” TRANSACIONADOS >>


12/04/2013
“HERROS” DIPLOMÁTICOS >>


06/04/2013
“HERROS” PUBLICITÁRIOS >>


29/03/2013
”HERROS” SALTITANTES >>


23/03/2013
“HERROS” UNIVERSITÁRIOS >>


14/03/2013
“HERROS” LOCOMOTIVOS... >>


07/03/2013
“HERROS” INFANTIS >>


28/02/2013
“HERROS” MORTAIS >>


22/02/2013
“HERROS” METEÓRICOS >>


14/02/2013
“HERROS” FINANCEIROS >>


07/02/2013
“HERROS” CARNAVALESCOS >>


31/01/2013
“HERROS” CELULARES >>


24/01/2013
“HERROS” FILANTRÓPICOS >>


19/01/2013
“HERROS” ARMADOS >>


13/01/2013
“HERROS” APLICATIVOS MÉDICOS... >>


04/01/2013
“HERROS” MONETÁRIOS >>


27/12/2012
“HERROS” PREVISÍVEIS >>


20/12/2012
“HERROS” INSTITUCIONAIS >>


13/12/2012
“HERROS” SUBORNADOS >>


06/12/2012
“HERROS” VISUAIS... >>


30/11/2012
“HERROS” BIZARROS... >>


23/11/2012
“HERROS” IMPRESSOS >>


15/11/2012
“HERROS” GLOBAIS >>


08/11/2012
“HERROS” PERTUBADORES >>


02/11/2012
“HERROS” COMERCIAIS >>


25/10/2012
“HERROS” CRITICADOS >>


18/10/2012
“HERROS” FALADOS >>


11/10/2012
“HERROS” HISTÓRICOS >>


03/10/2012
“HERROS” RETRATADOS >>


26/09/2012
“HERROS” POLUENTES... >>


20/09/2012
“HERROS” SANGUINÁRIOS >>


12/09/2012
“HERROS” COLETIVOS >>


05/09/2012
“HERROS” FLORESTAIS >>


30/08/2012
“HERROS” EDUCACIONAIS >>


24/08/2012
“HERROS” PARA SEMPRE... >>


15/08/2012
“HERROS” INEXPLICÁVEIS >>


09/08/2012
“HERROS” ELEITORAIS >>


05/08/2012
“HERROS” ESTATAIS >>


30/07/2012
“HERROS” BILIONÁRIOS >>


21/07/2012
“HERROS” INFANTIS... >>


12/07/2012
“HERROS” COTIDIANOS >>


05/07/2012
“HERROS” ENFORCADOS >>


28/06/2012
“HERROS” TURÍSTICOS >>


21/06/2012
“HERROS” INESCRUPULÓSOS >>


16/06/2012
“HERROS” CRUEIS... >>


09/06/2012
“HERROS” DOADOS... >>


02/06/2012
"HERROS" COMUNISTAS >>


25/05/2012
"HERROS" HEDIONDOS >>


12/05/2012
"HERROS" PATERNAIS... >>


03/05/2012
"HERROS" ENCAMINHADOS... >>


28/04/2012
"HERROS" REPERCUTIDOS >>


21/04/2012
"HERROS" POLUÍDOS >>


14/04/2012
"HERROS" FALANTES... >>


05/04/2012
"HERROS" COVARDES >>


31/03/2012
"HERROS" MODERNOS >>


24/03/2012
"HERROS" UNIVERSAIS >>


15/03/2012
"HERROS" COMERCIAIS >>


07/03/2012
"HERROS" ESTRATÉGICOS >>


29/02/2012
"HERROS" ESTÚPIDOS... >>


22/02/2012
"HERROS" AUTORITÁRIOS >>


18/02/2012
"HERROS" DE SEMPRE... >>


09/02/2012
"HERROS" PÍFIOS >>


02/02/2012
"HERROS" PARA SEMPRE... >>


28/01/2012
"HERROS" RELIGIOSOS >>


19/01/2012
"HERROS" ESCRAVAGISTAS >>


13/01/2012
A"HERROS" CIENTÍFICOS >>


06/01/2012
"HERROS" CHINESES... >>


31/12/2011
"HERROS" MONETÁRIOS >>


22/12/2011
"HERROS" CONSUMISTAS >>


18/12/2011
"HERROS" NATALINOS >>


11/12/2011
"HERROS" INOPORTUNOS... >>


03/12/2011
"HERROS" AMAZÔNICOS >>


26/11/2011
"HERROS" FORÇADOS >>


19/11/2011
"HERROS" OBEDIENTES >>


13/11/2011
"HERROS" NOS TRILHOS >>


02/11/2011
"HERROS" CALÓRICOS >>


29/10/2011
"HERROS" NEUROFISIOLÓGICOS >>


22/10/2011
"HERROS" TIRÂNICOS >>


12/10/2011
"HERROS" ESCRAVIZADOS... >>


05/10/2011
"HERROS" BRUTAIS >>


28/09/2011
"HERROS" DESIGUAIS >>


22/09/2011
"HERROS" AUTORITÁRIOS >>


14/09/2011
"HERROS" CAPTURADOS >>


07/09/2011
"HERROS" COLORIDOS >>


01/09/2011
"HERROS" AGUADOS >>


26/08/2011
"HERROS" CORRUPTOS >>


18/08/2011
"HERROS" FRONTEIRIÇOS >>


11/08/2011
"HERROS" PASSADOS >>


04/08/2011
"HERROS" REFRIGERANTES >>


28/07/2011
"HERROS" ARQUITETÔNICOS >>


21/07/2011
"HERROS" ESVERDEADOS >>


17/07/2011
"HERROS" CENSURADOS >>


10/07/2011
"HERROS" HEDIONDOS >>


01/07/2011
"HERROS" MENSURADOS >>


23/06/2011
"HERROS" PELADOS >>


16/06/2011
"HERROS" FOTOGRAGADOS >>


08/06/2011
"HERROS" PREVISÍVEIS >>


02/06/2011
"HERROS" DESEQUILIBRADOS >>


26/05/2011
"HERROS" IMIGRATÓRIOS >>


19/05/2011
"HERROS" ANÔNIMOS >>


12/05/2011
"HERROS" TRABALHISTAS >>


05/05/2011
"HERROS" COMPORTAMENTAIS >>


26/04/2011
"HERROS" REAIS >>


22/04/2011
"HERROS" PLASTIFICADOS >>


14/04/2011
"HERROS" ROUBADOS >>


08/04/2011
"HERROS" POLÍTICOS >>


31/03/2011
"HERROS" HEDIONDOS >>


26/03/2011
"HERROS" CRONOMETRADOS >>


17/03/2011
"HERROS" EDUCACIONAIS >>


10/03/2011
"HERROS" DESIGUAIS >>


03/03/2011
"HERROS" CARCERÁRIOS >>


27/02/2011
"HERROS" CARNAVALESCOS >>


17/02/2011
"HERROS" EM QUADRINHOS >>


10/02/2011
"HERROS" INOCENTES... >>


03/02/2011
"HERROS" PLANETÁRIOS >>


27/01/2011
"HERROS" MORTAIS >>


20/01/2011
"HERROS" CRÍTICOS >>


13/01/2011
"HERROS" CENTENÁRIOS >>


07/01/2011
"HERROS" MISTERIOSOS >>


30/12/2010
"HERROS" ALIMENTARES >>


21/12/2010
"HERROS" DEMOCRÁTICOS >>


16/12/2010
"HERROS" DO ANO >>


09/12/2010
"HERROS" SOLARES >>


02/12/2010
"HERROS" MONUMENTAIS >>


25/11/2010
"HERROS" VIOLENTOS >>


20/11/2010
"HERROS" APRISIONADOS >>


14/11/2010
"HERROS" BIZARROS >>


04/11/2010
"HERROS" EXTREMOS >>


29/10/2010
"HERROS" IMPOSTOS >>


21/10/2010
"HERROS" SUBORNADOS >>


14/10/2010
"HERROS" TÓXICOS >>


07/10/2010
"HERROS" POLÍTICOS >>


02/10/2010
"HERROS" PUBLICITÁRIOS >>


25/09/2010
"HERROS" DIDÁTICOS >>


17/09/2010
"HERROS" GEOGRÁFICOS >>


09/09/2010
"HERROS" INCRÍVEIS >>


01/09/2010
"HERROS" ARQUITETÔNICOS... >>


26/08/2010
"HERROS" DIPLOMÁTICOS >>


19/08/2010
"HERROS" POLUÍDOS >>


12/08/2010
"HERROS" POSTAIS >>


05/08/2010
"HERROS" VAZADOS... >>


29/07/2010
"HERROS" REGISTRADOS >>


22/07/2010
"HERROS" CIRÚRGICOS >>


15/07/2010
"HERROS" DITATORIAIS >>


08/07/2010
"HERROS" QUEIMADOS >>


01/07/2010
"HERROS" PUBLICITÁRIOS >>


24/06/2010
"HERROS" DESPORTIVOS >>


17/06/2010
"HERROS" COPEIROS >>


10/06/2010
"HERROS" MARÍTIMOS >>


03/06/2010
"HERROS" ANUNCIADOS >>


27/05/2010
"HERROS" PARA REFLEXÃO >>


23/05/2010
"NÃO" AO RASTRO ONLINE >>


13/05/2010
"HERROS" SENSACIONALISTAS >>


07/05/2010
"HERROS" OLEOSOS >>


29/04/2010
"HERROS" MARQUETEIROS >>


24/04/2010
"HERROS" PICHADOS >>


15/04/2010
"HERROS" DE SEMPRE >>


08/04/2010
"HERROS" AQUÁTICOS >>


01/04/2010
"HERROS" GROTESCOS >>


25/03/2010
"HERROS" LINGUÍSTICOS >>


19/03/2010
"HERROS" ARQUITETÔNICOS >>


11/03/2010
"HERROS" HISTÓRICOS II >>


04/03/2010
"HERROS" HISTÓRICOS >>


25/02/2010
"HERROS" VICIADOS >>


18/02/2010
"HERROS" MANUAIS >>


13/02/2010
"HERROS" ACORRENTADOS >>


04/02/2010
"HERROS" DIGITAIS >>


29/01/2010
"HERROS" VERGONHOSOS >>


23/01/2010
"HERROS" E CENSURA >>


15/01/2010
"HERROS" PRISIONEIROS >>


24/12/2009
"HERROS" VERGONHOSOS >>


17/12/2009
"HERROS" GENOCIDAS >>


10/12/2009
"HERROS" MANUAIS >>


03/12/2009
"HERROS" CONTROVERSOS >>


25/11/2009
"HERROS" CÉTICOS >>


19/11/2009
"HERROS" TROCADOS >>


13/11/2009
"HERROS" FOTOGRÁFICOS >>


05/11/2009
"HERROS" AQUECIDOS >>


29/10/2009
"HERROS EM NOTÍCIA" >>


22/10/2009
"HERROS" CRIMINOSOS >>


16/10/2009
"HERROS" ARGH ENTINOS E PERUANOS >>


08/10/2009
"HERROS" CORRUPTOS >>


01/10/2009
"HERROS" DITATORIAIS >>


25/09/2009
"HERROS" GELADOS >>


17/09/2009
"HERROS" ASSASSINOS >>


10/09/2009
"HERROS" POLÊMICOS VIRTUAIS >>


03/09/2009
"HERROS" COMPARATIVOS - TSUNAMI X 11 DE SETEMBRO >>


26/08/2009
“HERROS” BRUTAIS >>


20/08/2009
"HERROS" RECORDES >>


13/08/2009
“HERROS” PARLAMENTARES >>


06/08/2009
"HERROS" DA SEGUNDA GUERRA >>


29/07/2009
"HERROS" AQUECIDOS >>


24/07/2009
"HERROS" SUJOS >>


14/07/2009
"HERROS" NO VOLANTE >>


09/07/2009
"HERROS" CULINÁRIOS... >>


03/07/2009
"HERROS" AFIXADOS... >>


25/06/2009
“HERROS” SEM ESCRÚPULOS >>


19/06/2009
"HERROS" COMPORTAMENTAIS >>


11/06/2009
"HERROS" EDUCACIONAIS >>


04/06/2009
"HERROS" DESCRITIVOS >>


28/05/2009
HERROS CORRUPTOS >>


18/05/2009
"HERROS" LITERÁRIOS... >>


13/05/2009
PERIGO! PERIGO! >>


07/05/2009
"HERROS" NO FUTEBOL >>


01/05/2009
"HERROS GRIPAIS" >>


22/04/2009
"HERROS" INGÊNUOS >>


15/04/2009
VIOLÊNCIA E FÉ >>


09/04/2009
OS "HERROS" DE SEMPRE... >>


01/04/2009
"HUMOR" SAGRADO >>


25/03/2009
CAMPANHA ESTRANHA >>


19/03/2009
"HERROS" GEOGRÁFICOS >>


12/03/2009
"HERROS" DE 2004 >>


04/03/2009
"HERROS" PENAIS INTERNACIONAIS >>


25/02/2009
TROFÉU FRAMBOESA 2009 >>


19/02/2009
QUEBRADEIRA >>


12/02/2009
O SUSPEITO "HERRADO" >>


06/02/2009
DESEMPREGO >>


29/01/2009
ALERTA GERAL >>


22/01/2009
DESEMPREGO??? >>


15/01/2009
ACABOU... UFA! >>


04/01/2009
PROTESTO DA ANIMA NATURALIS >>


02/01/2009
CONTAGEM FATAL >>


25/12/2008
"HERRANDO" ATÉ NO CARTÃO DE NATAL >>


18/12/2008
ADIOS MELANCÓLICO, PRESIDENTE >>


11/12/2008
"HERROS" CRUÉIS E DISCRIMINATÓRIOS >>


04/12/2008
MATAR NÃO É MAIS CRIME??? >>


28/11/2008
NOITE DE TERROR >>


20/11/2008
OBRA DE ARTE >>


13/11/2008
UMA DATA PARA NÃO ESQUECER >>


06/11/2008
PROTESTO CONTRA ARRASTÃO >>


30/10/2008
HERROS & PICHAÇÕES >>


22/10/2008
UM PROBLEMA DE TODOS >>


16/10/2008
"HERROS" POLICIAIS >>


10/10/2008
CRIANÇAS ALFABETIZADAS??? >>


01/10/2008
PERIGO! PERIGO! >>


25/09/2008
TERROR NO PAQUISTÃO! >>


16/09/2008
A CRISE TÁ BRAVA >>


09/09/2008
HISTÓRIA CHILENA - "HERROS DO PASSADO" >>


04/09/2008
OS "HERROS" DO PASSADO >>


28/08/2008
TEM MOMENTO QUE É HACERTAR OU HERRAR... >>


21/08/2008
SISTEMA MEDÍOCRE >>


15/08/2008
14 DE AGOSTO - DIA DO COMBATE À POLUIÇÃO >>


07/08/2008
DESASTRE AMBIENTAL >>


31/07/2008
RECIFES DE CORAIS >>


27/07/2008
O NOME DAS VÍTIMAS >>


14/07/2008
VIOLÊNCIA >>


06/07/2008
RECESSO PARLAMENTAR >>


03/07/2008
MOVIMENTO PELA PAZ >>


26/06/2008
VIOLÊNCIA >>


19/06/2008
O ÓLEO QUE MATA >>


12/06/2008
O MEDO >>


05/06/2008
O ENTALADO >>


29/05/2008
"HERROS" AMBIENTAIS >>


23/05/2008
SOCORRO >>


15/05/2008
PAIS ANIMAIS >>


10/05/2008
O PLANETA PRECISA DE HUMANIDADE >>


01/05/2008
UMA POMBA PARA A PAZ... >>


21/04/2008
CARGA TRIBUTÁRIA >>


16/04/2008
FLORESTAS >>


10/04/2008
EDUCAÇÃO PÚBLICA NO BRASIL! >>


03/04/2008
MANTANÇA DE FOCAS NO CANADA >>


29/03/2008
SITE DO CORPO DE BOMBEIROS IRONIZA A DENGUE >>


21/03/2008
PROTESTOS E MAIS PROTESTOS >>


15/03/2008
AQUECIMENTO GLOBAL >>


08/03/2008
QUAL O FUTURO DAS CRIANÇAS??? >>


01/03/2008
ABRAÇOS PARA EVITAR "HERROS" >>


22/02/2008
"HERRAR É UMANO", MAS COM A POLÍCIA??? >>


15/02/2008
OS "HERROS" DOS CARTÓES CORPORATIVOS GOVERNAMENTAIS >>


09/02/2008
"HERROS" NO TRÂNSITO... >>


30/01/2008
MAIS PROTESTOS >>


24/01/2008
A "JENTE HERRAMOS", MAS A NATUREZA NÃO... >>


19/01/2008
CONTRA PELE ANIMAL EM ROUPAS >>


12/01/2008
ESCADAS PARA SUBIR NA VIDA... >>


30/12/2007
MUDAR É PRECISO... >>


23/12/2007
FELIZ 2008, APESAR DA NOSSA POLÍTICA... >>


16/12/2007
SONHAR E REALIZAR, PARA MINIMIZAR OS "HERROS"... >>


10/12/2007
POMBA DA PAZ??? >>


03/12/2007
ALERTA MÁXIMO! >>


26/11/2007
E ASSIM CAMINHA A HUMANIDADE... >>


19/11/2007
ISSO É QUE É FUNÇÃO... >>


14/11/2007
A JENTE HERRAMOS OU HACERTAMOS? >>


06/11/2007
"A JENTE HERRAMOS" ATÉ INVENTANDO MARCAS... >>


02/11/2007
"A JENTE" NÃO PODEMOS "HERRAR" E NEM BRINCAR COM A SAÚDE... A VERDADE SOBRE A FRAUDE DO LEITE >>


25/10/2007
HERRAR ATÉ QUE É UMANO...MAS, PERSISTIR... >>


17/10/2007
LULA X DONA MARISA >>


14/10/2007
NÃO SE CONSTRÓI UMA NAÇÃO CIVILIZADA COM PROFESSORES ENLOUQUECIDOS... >>


30/09/2007
O NOSSO "CONGREÇO"... >>


24/09/2007
A JENTE PODEMOS HERRAR ATÉ NA BRINCADEIRA... >>


16/09/2007
FOTO QUE FALA MAIS QUE QUALQUER PALAVRA... >>


10/09/2007
PLACAS DO PAN - A PÉROLA FINAL... >>


02/09/2007
PLACAS DO PAN - A SAGA CONTINUA... >>


27/08/2007
PLACAS DO PAN - A MISSÃO >>


21/08/2007
OLHA MAIS PLACA DO PAN AÍ, GENTE!!! >>


15/08/2007
MAIS PLACAS DO PAN (PUTZ GRILL LOW!) >>


08/08/2007
AS PLACAS DO PAN (PUT A KEEP ARE YOU...) >>


02/08/2007
A QUITANDA DO SEU CREYSSON >>


25/07/2007
VAMOS "HERRAR", QUER DIZER, VIAJAR DE CARROÇA? >>


14/07/2007
COMO ESTÁ O SEU INGLÊS???? NÃO DEIXE DE CONFERIR PARA NÃO "HERRAR"... >>


03/07/2007
VAMOS ÀS FÉRIAS PARA "HERRAR" MENOS...NA VOLTA! >>


29/06/2007
É DIFÍCIL SEGURAR ESSE PAÍS!!! >>


18/06/2007
O SITE DA FNH E O APOIO "TOTAL" AO FUTSAL >>


17/06/2007
É "HERRANDO" QUE SE APRENDE... SERÁ? >>


04/06/2007
NINGUÉM SEGURA "ECE" PAÍS III >>


28/05/2007
HAJA ESTRELA! >>


21/05/2007
NINGUÉM SEGURA "ECE" PAÍS I >>


14/05/2007
É CADA "HERRO"... >>


07/05/2007
"HERRAMOS" MUITO EM COMUNICAÇÃO... >>


01/05/2007
VAMOS DIRIGIR COM ATENÇÃO, PARA NÃO """HERRAR""". >>


23/04/2007
LENDA! >>


16/04/2007
IDENTIFIQUE OS GÊMEOS! >>


07/04/2007
SE DIRIGIR, NÃO BEBA...SE BEBER, NÃO DIRIJA... >>


28/03/2007
VAMOS APRENDER COM OS NOSSOS ERROS? >>


19/03/2007
PREVISÃO DO TEMPO??? >>


13/03/2007
SINISTÉRIO DO LULA? >>


06/03/2007
HERRANDO E HAPRENDENDO... >>


28/02/2007
AS VOLTAS QUE O MUNDO DÁ... >>


19/02/2007
NOSSOS LEITORES COLABORAM SEMPRE... >>


29/01/2007
ANÚNCIO PROIBIDO DA MTV >>


16/12/2006
PALESTRA DE ENCERRAMENTO - FACULDADE MENTAL >>


05/12/2006
A JENTE HERRAMOS, MAS MERECEMOS FÉRIAS TAMBÉM! >>


02/12/2006
100SACIONAL - SÓ AS MELHORES DO "A JENTE HERRAMOS" >>


14/11/2006
MAIS IMPORTANTE DO QUE ERRAR OU ACERTAR, É A PAZ! >>


09/11/2006
TRATAR BEM O CLIENTE! >>


31/10/2006
PROPAGANDA CENSURADA! >>


29/10/2006
ONDE ESTÁ A EDUCAÇÃO DO BRASIL? >>


16/10/2006
SEMPRE TÊM EXCEÇÕES! ATÉ NOS DICIONÁRIOS! >>


09/10/2006
NOSSA LÍNGUA AGRADECE! >>


01/10/2006
DICIONÁRIO PARA LOIRAS >>


26/09/2006
ATÉ ELAS TÊM DE MELHORAR! >>


21/09/2006
SÃO PEQUENOS ERROS QUE FAZEM A DIFERENÇA... >>


11/09/2006
AH! ESSES POLÍTICOS! >>


10/09/2006
E AS PESQUISAS CONTINUAM... >>


03/09/2006
E DÁ-LHE LULA! >>


26/08/2006
CORRIGINDO DITOS POPULARES >>


20/08/2006
CUIDADO PARA NÃO ERRAR >>


27/06/2006
MAIS PAÍS VASCO! ZESTOA! >>


17/06/2006
VIVA SAN SEBASTIAN! VIVA ESPAÑA! VIVA O PAÍS VASCO! >>


06/06/2006
MAIS DOIS ANOS!!! >>


28/05/2006
DOIS ANOS DE MUITO MAIS ACERTOS DO QUE ERROS! >>


20/05/2006
FAÇA A TRADUÇÃO SE FOR CAPAZ >>


17/05/2006
AJENTE NÃO HERRAMOS? >>


07/05/2006
HERRAR É UMANO!!! >>


01/05/2006
HERRAR É UMANO! >>


27/04/2006
ERRANDO DE PROPÓSITO >>


27/04/2006
A JENTE NEM SABÍAMOS QUE ERRAVAMOS, SABIA? >>


06/04/2006
A jente herramos >>


06/04/2006
A foto não está herrada! >>


06/04/2006
E NÓIS QUE PENSAVA QUE NUM ERRAVA! >>


23/03/2006
O POBREMA É QUE A JENTE QUASE NUNCA HERRAMOS >>